Christina Rufatto/ESTADAO
Christina Rufatto/ESTADAO

Russo faz Lênin nu em performance interativa em São Paulo

Em 'Prove-me sou como você', público poderá interagir com o artista Fyodor Pavlov-Andreevich no Sesc Consolação

O Estado de S.Paulo

25 Outubro 2017 | 19h58

Na comemoração dos 100 anos da Revolução Russa , o artista Fyodor Pavlov-Andreevich realizou um performance no qual vive o líder bolchevique Lênin, que fica nu e deitado, sujeito à interação da plateia. O trabalho lembra a performance La Bête, de Wagner Schwartz, no qual o coreógrafo também nu e permite que o público interaja com ele, e que gerou polêmica após vídeo veiculado de uma criança presente na performance, acompanhada da mãe. 

A performance Prove-me sou como você apresentada no Solyanka State Gallery, em Moscou chega ao Brasil no dia 6 de novembro, no Sesc Consolação, como parte da exposição Carrossel Performático do Fyodor: de Cabeça para Baixo. Na performance, o corpo do performer funciona como um instrumento musical. Quanto mais intenso o toque, mais alto será o som executado.

Carrossel  é uma exposição de performances que teve suas duas primeiras edições em 2014 em Buenos Aires e em 2016 em Viena. No Sesc, a programação vai reunir ainda o trabalho de quatro artistas brasileiros e quatro e 4 internacionais. O Carrossel rodará por duas semanas consecutivas com uma performance de 5 horas de duração diária e uma programação paralela de debates.

+ Psiquiatra analisa a polêmica da performance no MAM

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.