RSVP 2

Ideia para outra peça.Uma grande mesa num palco vazio, coberta com uma toalha de linho branco. Pratos, talheres e copos de cristal, longas velas decorativas. Na frente de cada lugar, um cartãozinho com a borda dourada e o nome de quem deve sentar-se ali. Da direita entra um mordomo seguido de um casal elegantemente vestido. É evidente que o casal aprova o ambiente. O mordomo anuncia que os outros não demorarão a chegar e pergunta se querem beber alguma coisa.- Champanhe - diz o homem.- Um Alexander - pede a mulher, e completa, indicando o tamanho com as mãos: - Magno.A mulher espera o mordomo sair e cochicha, agressivamente, para o marido:- Viu só? Somos os primeiros. Você com sua pressa. Nem pude despedir-me adequadamente de Felícia.- Não sei por que você precisa dizer a Felícia exatamente onde vai estar e deixar o número do telefone. Ela é apenas uma poodle.- Desta vez nem poderia dizer onde estamos, porque eu mesma não sei. De qualquer forma, graças a você, somos os primeiros.- Assim poderemos ver quem serão os nossos comensais, antes de eles chegarem. Aqui, por exemplo, vai sentar... Meu Deus. O papa.- O papa?!- O papa. De um lado dele o Cristiano Ronaldo e do outro... não pode ser.- Quem?- A Wu Yi, vice primeira-ministra da China.- Olhe quem vai sentar aqui! O Barack Obama.- E ao lado dele a baronesa de Rothschild! - Onde será o meu lugar?- E o meu? E o meu?O mordomo entra com as bebidas numa bandeja e os dois disfarçam e interrompem sua frenética leitura dos cartõezinhos. Quando o mordomo sai eles retomam a busca, depois de jogar as bebidas longe.- Aqui estou eu - grita ele - entre a Maria Sharapova e a Ângela Merkel.- E eu estou entre o Mick Jagger e... Não!- Quem?- O Hugo Chávez! O que você está fazendo?- Estou rearrumando os cartõezinhos. O Barack fica aqui, entre a Maria Sharapova e a Ângela Merkel e eu vou para o lado da baronesa de Rothschild, que pode ser melhor para a minha carreira. Quem disse que a gente não pode determinar o próprio destino? É só mudar os cartõezinhos!- Não pode. Lembra o que dizia no convite? RSVP. Quer dizer "Restez sur votre place". Fique no seu lugar.- Tem certeza?- Não, mas você não vê? Nosso anfitrião deve ter um plano para nós, por isso nos reuniu aqui e nos botou nestes lugares. Temos que respeitar o plano dele, seja qual for.- Mas quem é o nosso anfitrião?Não é um anfitrião, é uma anfitriã. Uma enorme aranha que entra no palco e se dirige para o homem, para comê-lo. É uma armadilha. Um banquete de primeira classe para a grande aranha. Desesperada, a mulher começa a gritar "RSVP! RSVP", que, claro, significa "Respondez s?il vous plait!", responda por favor, não faz qualquer sentido no contexto e não detém a aranha.Quer dizer: é sempre importante ter uma mínima noção de etiqueta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.