Riscos mais comuns são as ameaças de maior peso

Risco - A Ciência e aPolítica do MedoDan GardnerOdisséia, 384 págs., R$ 39,90Apesar de analistas divulgarem números segundo os quais a humanidade nunca foi tão saudável e segura quanto atualmente, o noticiário tornou-se um desfile de desmentidos a essa tese, dizendo que a violência natural e social está destruindo a vida humana. Neste livro, traduzido por Léa Viveiros de Castro e Eduardo Süssekind, Dan Gardner explica como as pessoas percebem o risco. Depois de afirmar que o cérebro trabalha com duas respostas simultâneas, a intuitiva e a racional, o autor mostra que as maiores ameaças são, na verdade, riscos comuns aos quais se presta pouca atenção. Segundo The Economist, este trabalho "excelente" serve de contraponto à paranoia do mundo contemporâneo.

, O Estadao de S.Paulo

20 de junho de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.