Record cobra Gugu

Assédio Concorrência: SBT tenta impedir, sem cobrir salário

Keila Jimenez, O Estadao de S.Paulo

17 de junho de 2009 | 00h00

A Record tem pressa quando o assunto é Gugu. A emissora pressiona: aumentou sua oferta e promete mundos e fundos para o apresentador assinar a minuta de contrato - já em suas mãos - ainda esta semana.Além do salário de R$ 3 milhões mensais, a Record estaria disposta a pagar a multa contratual de Gugu com o SBT: R$ 15 milhões. A rede também lhe oferece mais espaço na programação - além do auditório dominical - e a garantia de horário nobre em seu canal internacional. O cast da casa e todo o jornalismo nacional da emissora também foram colocados à disposição da atração de Gugu. No SBT, a nova ofensiva foi encarada de forma desanimadora. No último domingo, Silvio Santos chegou a fazer uma contraproposta, mas nada comparado ao que a Record está oferecendo. O dono do SBT aposta no laço afetivo de Gugu com a rede para vencer a queda de braço. Mesmo assim, nomes como Pânico e Luciano Huck já aparecem como fortes candidatos à vaga do Domingo Legal.Otimista, a direção da Record acredita na vinda da nova estrela já no próximo mês, bem antes do fim de seu contrato com o SBT, que vence em março.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.