Reprodução
Reprodução

'Quatro Marilyns', de Andy Warhol, é vendida por US$ 36 mi

Assinado por Lucian Freud, retrato do ex de Camilla Parker foi leiloado por 35 milhões de dólares

Chris Michaud, Reuters

11 Novembro 2015 | 15h38

Um retrato de autoria de Lucian Freud de Andrew Parker Bowles - o ex-marido da esposa do príncipe inglês Charles, Camilla - foi vendido pela casa de leilões Christie's por 34,9 milhões de dólares na terça-feira, 10, quando obras contemporâneas de artistas como Andy Warhol e Louise Bourgeois atraem lances entusiasmados e valores altos.

Enquanto o quadro Four Marilyns, de Warhol, que exibe a musa cinematográfica Marilyn Monroe, alcançou o preço mais alto da noite, ele foi ofuscado por The Brigadier, retrato em larga escala de Parker Bowles feito entre 2003 e 2004 que o mostra sentado e vestido casualmente com uniforme militar de gala.

Camilla, hoje Duquesa da Cornualha, e Parker Bowles se divorciaram em 1995.

Vários interessados disputaram o quadro por telefone e no local, elevando o preço final para 34,9 milhões de dólares, aí incluída a comissão da Christie's e superando a estimativa pré-venda de 30 milhões.

Foi a segunda noite consecutiva de boas vendas na casa, que obteve o segundo maior valor para uma obra de arte na segunda-feira, quando o Nu couché de Modigliani foi arrebatado pela soma de 170,4 milhões de dólares, superando o recorde do própria artista de 100 milhões de dólares.

A venda de 66 obras, que a Christie's disse ter refletido a "participação muito forte da Ásia" na segunda-feira, rendeu 331,8 milhões de dólares, bem mais que a estimativa conservadora de cerca de 320 milhões de dólares. Treze lotes não foram vendidos. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.