Público da Arco foi menor do que em 2008

A organização da Feira de Arte Contemporânea de Madri (Arco), que teve 7 galerias brasileiras entre as 238 de 32 países em exposição, classificou como "acima das expectativas" sua edição encerrada na segunda-feira, embora o público tenha caído 5% em relação ao ano passado, para cerca de 200 mil visitantes. Segundo a diretora da Arco, Lourdes Fernández, as vendas se mantiveram. No ano da crise, foram incluídas obras de preços mais baixos, atraindo mais compradores. Ao mesmo tempo, a organização da Arco anunciou que Los Angeles será a cidade homenageada pela feira em 2010. Neste ano, o país convidado foi a Índia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.