Pterossauro maior de todos era brasileiro

O maior pterossauro do qual se tem notícia até agora viveu no Brasil há 115 milhões de anos. O descobrimento foi feito pelo professor e paleontólogo Mark Witton, da Universidade de Portsmouth, do Reino Unido, e publicado na edição de novembro da revista Palaeontology. A descoberta deve-se à análise de um fóssil de crânio de um ?chaoyangopteridae?, uma espécie que só tinha sido achada na região chinesa de Chaoyang e que se considerava que não tinha alcançado uma altura superior 60 cm. O achado corresponde a um pterossauro do Nordeste brasileiro que teve altura de um metro e envergadura de cinco metros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.