Procura-se âncora

Parintins Band: Rede quer evitar gafes na transmissão

Keila Jimenez, O Estadao de S.Paulo

27 de maio de 2009 | 00h00

A menos de um mês do Festival de Parintins, que ocupará 16 horas da programação da Band, a emissora não sabe quem irá comandar a transmissão. A dúvida da emissora vem do medo de escorregões como o de Patrícia Maldonado e José Luiz Datena, que ancoraram a festa no ano passado. Em um vídeo que vazou para a web, Patrícia aparece no intervalo da transmissão dizendo que o locutor oficial de Parintins "não é mais chato por falta de espaço". Já Datena, além de dizer alguns palavrões, faz chacota da festa. A organização de Parintins chegou a reclamar para a direção da Band. Para completar, Datena foi acusado de agressão pelo apresentador Gilberto Barros, na sexta-feira, durante uma discussão entre os dois em uma churrascaria. O fato pôs uma pedra em sua chance de ancorar o evento. O Festival de Parintins será apresentado na Band nos dias 26, 27 e 28 de junho. A emissora instalou 10 câmeras HD no bumbódromo e promete usar efeitos gráficos - como aqueles do carnaval da Globo, sabe? - durante a transmissão. Cerca de 120 profissionais da rede serão deslocados para o evento, entre eles, artistas da casa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.