Outros encontros de peso na Avenida Paulista

Projeto Rumos Convida reúne bandas como Pata de Elefante e Cidadão Instigado

Lauro Lisboa Garcia, O Estadao de S.Paulo

04 de março de 2009 | 00h00

Siba e Roberto Corrêa se conheceram no projeto Violeiros do Brasil, de Myriam Taubkin, em 1997. Além deles, Paulo Freire é outro desses violeiros que transitam entre a metrópole e o campo. No show de hoje, no Itaú Cultural, além dos temas de Violas de Bronze, eles devem tocar outros de seus trabalhos individuais e também da obra do convidado.Amanhã é a vez do grupo Móveis Coloniais de Acaju, de Brasília, que mistura rock, ska e ritmos brasileiros numa salada que eles batizaram de "feijoada búlgara". O carisma do elétrico vocalista André Gonzáles é um dos trunfos da big band, mas o naipe de metais também garante a potência de seu som. É nesse ponto que surge a afinidade com o convidado da noite, o trombonista paulistano Bocato, que lançou recentemente o bom CD Hidrogênio, pela Baratos Afins.Na quinta, vem da Paraíba outra boa banda, Cabruêra, que também fazem boa mistura do regional com o pop. O convidado do grupo é o rapper carioca BNegão. Sempre criativo e envolvido numa série de bons projetos e atividades, como o Turbo Trio e 3 BRio, ele prepara trabalho-solo para lançar neste semestre.Também destacado por atividades bem-sucedidas, outra figura importante do pop carioca atual é Rodrigo Amarante, que se apresentou recentemente na cidade com o Little Joy, reencontra Los Hermanos no show de abertura do Just a Fest, no dia 22, e é convidado do Cidadão Instigado neste sábado. A banda de Fernando Catatau (que também tocou com Los Hermanos) é uma das mais interessantes desta década, mesclando um pouco de tudo: maracatu, jazz, drum?n?bass, samba. A atriz e cantora Karine Carvalho também faz participação especial no show.Encerrando a mostra do Rumos, no domingo, o destaque é a banda instrumental gaúcha Pata de Elefante. Se já é bom em disco, o trio - formado por baixo, guitarra e bateria - rende mais ao vivo. Seus convidados vêm de Cuiabá, também fazem rock instrumental e lançaram um dos melhores discos do gênero em 2008, Artista Igual Pedreiro. É o Macaco Bong. Com tantos shows no fim de semana na cidade vai ser difícil escolher, mas este é daqueles para não se perder.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.