Os excessos da estética gótica na alça de mira

A Abadia de NorthangerJane AustenLandmark288 págs., R$ 41Publicado com o livro Persuasão logo após a morte da inglesa Jane Austen (1775-1817), A Abadia de Northanger começou a ser escrito em 1798, antes dos clássicos Razão e Sensibilidade e Orgulho e Preconceito. Em 1803, Austen vendeu a obra para um editor, que a colocou na gaveta. Depois, seu irmão Henry adquiriu os direitos sobre o romance. Traduzido por Eduardo Furtado e apresentado em edição bilíngue, o livro fala da visita de Catherine Morland a um balneário inglês. Ali ela conhece dois jovens, John Torpe e Henry Tillney. Tudo muda quando o pai de Henry a convida para conhecer uma de suas propriedades, cujo nome dá título a esta obra, que critica os excessos do romance gótico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.