Ontem E Hoje

''A autoridade de Péricles era, antes de tudo, militar, e é da natureza militar o respeito à hierarquia. Assim, uma aliança pressupõe a delegação de autoridade por parte dos subordinados, o que levou, então, os atenienses a assumir a hegemonia concedida pelos aliados. É uma forma diferente de dominação, que em nada se compara ao imperialismo moderno, porque a presença dos atenienses no território dos aliados não significava automaticamente ingerência política."CLAUDE MOSSÉ AUTORA DE PÉRICLES"Resumindo, temos dois legados gregos. Um deles sabemos que nunca emularemos: a democracia ateniense, na praça. Era uma democracia sem expertise, sem tecnocratas. Era uma democracia direta. Hoje, é impossível reunir todo o povo na praça - e, pior que isso, o manejo da coisa pública exige uma expertise que reduz os não experts a cidadãos de segunda classe. O problema não é juntar gente. O problema é o Banco Central. Unir milhares na praça é difícil, mas é sobretudo inútil: o que decidirem não será cumprido. Atenas sobrevive, neste plano, como sonho. Sabemos que não a igualaremos, mas a admiramos. O outro legado é a filosofia. Também foi tomada pelos experts.A famosa cena em que Sócrates faz um escravo pensar - melhor dizendo, em que Sócrates dá ao escravo a ocasião de pensar por si só, sem lhe ensinar nada, só facilitando sua reflexão - não encontra paralelo em nossa academia."RENATO JANINE RIBEIROFILÓSOFO

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.