O vigor do rock de Ben Harper

Se, como diz Rita Lee, "rock não é pra maricas", o que faz Ben Harper em White Lies for the Dark Times (Virgin/EMI) é dar uma boa prova de, digamos, macheza. Acompanhado da banda Relentless7, ele põe pra fora blues-rocks vigorosos, inspirados, com letras incisivas, como Number With no Name, Shimmer and Shine e a emotiva Up to You Now. Lay There & Hate Me remete a Cream e Jimi Hendrix. Mas como todo roqueiro também exala ternura, o guerreiro descansa em baladas-blues como Skin Thin e Faithfull Remain, sem perder a verve irônica.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.