O Que Eles Viram

A BALEIA: Mesmo morando em Curitiba, Vilmarise e Luis Carlos Pedroso, vendedor e dona de casa, não conheciam o Ópera de Arame. Atraídos pelo circo vieram ver Oceano com os filhos Ruan (10), Kally (5) e Luis (7). Este último foi chamado ao palco onde, extrovertido, ganhou aplausos. Do que mais gostou? "Segurar a baleia!" Já Ruan pensa e diz: "De tudo!"FINAL DA PEÇA: Benilson Alves, de 25 anos, ator de São José do Campos (SP), veio ao festival atuar no Fringe. Escolheu ver Amêsa, entre outras seis peças que faziam sessões no mesmo horário, por recomendação de um amigo. "Gostei dos músculos da atriz, impressionantes, e do final não convencional", diz. (A atriz não deixa o palco, fica como se a vida da personagem seguisse ali.)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.