O mundo sórdido e violento das prisões

Extraído das experiências do mundo sórdido e terrivelmente violento das prisões norte-americanas, Fábrica de Animais mergulha no universo louco de San Quentin para contar a história de dois criminosos. Lá, o novato Ron Decker, sentenciado por dois anos de reclusão por tráfico de drogas, conhece o veterano Earl Copen, que assume a tarefa de iniciar o jovem no brutal código de conduta de San Quentin e nas estratégias necessárias para a sobrevivência em um presídio. A amizade dos dois é colocada à prova quando Ron rejeita o convite homossexual de outro criminoso e dá início a um confronto, um assassinato e uma tentativa de fuga. O livro serviu de roteiro para o filme homônimo lançado em 2000.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.