No limite do ibope

Reality perdeu metade de seu público

Keila Jimenez, O Estadao de S.Paulo

05 de setembro de 2009 | 00h00

A mais recente e provável derradeira edição de No Limite, da Globo, não conseguiu ainda atingir a metade da audiência alcançada por cada uma das edições anteriores do reality show.

Segundo medição do Ibope na Grande São Paulo, a média de No Limite até agora - após dez apresentações -, contando seus principais dias de exibição, quintas-feiras e domingos, é de 17 pontos de audiência.

No Limite 1, em 2000, atingiu média de 47 pontos. Em No Limite 2, em março de 2001, a audiência caiu, mas ainda se manteve boa: 35 pontos. No Limite 3, apresentado no mesmo ano, só que em dezembro, manteve a audiência no patamar dos 33 pontos de média.

Com o final de A Fazenda, da Record, principal concorrente do reality show, a Globo esperava que atração se recuperasse e ganhasse fôlego na reta final.

No último domingo, sem A Fazenda, No Limite melhorou, mas chegou a ficar empatada com o Programa do Gugu durante o embate, com média de 17 pontos. E anteontem impulsionada pelos recorde de audiência da novela Caminho das Índias e de A Grande Família, a competição alcançou 23 pontos de média em São Paulo.

Xô, ego

Em cartaz no cinema (A Festa da Menina Morta), no teatro (O Zoológico de Vidro, de Tennessee Williams) e na TV, onde faz a carola Mariana, na novela Paraíso, da Globo, Cássia Kiss fala de tudo e mais um pouco a Sabrina Parlatore. A atriz conta como se aprofunda nos papéis que interpreta. "O artista tem que matar o ego", ensina. O papo vai ao ar hoje, no Vitrine, via TV Cultura, às 21h30.

ENTRELINHAS

Caminho das Índias bateu seu recorde de audiência anteontem, com a surra de Silvia (Deborah Bloch) em Yvone (Letícia Sabatella) e o encontro de Raul (Alexandre Borges) com o pai, seu Cadore (Elias Gleizer): rendeu 52 pontos de média à Globo.

No ar após a novela das 9, A Grande Família também bateu seu recorde do ano. Marcou 38 pontos de média anteontem.

O jogador Edmundo é o novo comentarista esportivo da RedeTV! Ele visitou os estúdios da emissora na quinta-feira.

Profissionais do SporTV foram pegos de surpresa, terça-feira, com a notícia de que o Zona de Impacto não iria mais ao ar. Alguns deles foram reaproveitados em atrações da Globo.

Em entrevista a Marília Gabriela, que vai ao ar dia 13, no GNT, Miguel Falabella diz que não sabe escrever novelas: "Sou muito ácido. Não é mesmo minha praia, sou muito mais do humor."

Vencedor de A Fazenda, da Record, Dado Dolabella, que tinha capa garantida em uma revista de celebridades, perdeu a vez para Ana Maria Braga e mais uma de suas viagens.

Com ou sem A Fazenda, Poder Paralelo mantém a audiência na Record: 10 pontos de média, na Grande São Paulo. Já no Rio, a novela chega a registrar média na casa dos 22 pontos.

Pela segunda semana seguida, o Pânico vai abusar da singela interpretação de Vanusa. Amanhã, na RedeTV!.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.