Chico Cunha/Divulgação
Chico Cunha/Divulgação

Mostra no Rio reúne desenhos e pinturas de Chico Cunha

Com curadoria de Alberto Saraiva, 'Chico Cunha – Pinturas e Desenhos' fica no Paço Imperial até o dia 2 de novembro

Roberta Pennafort, O Estado de S. Paulo

18 Setembro 2014 | 13h31

Nome da chamada Geração 80 das artes plásticas brasileiras, Chico Cunha está em cartaz no Paço Imperial do Rio (Praça XV de Novembro, n. 48, Centro) com pinturas e desenhos. A mostra, com curadoria do crítico Alberto Saraiva, tem trabalhos realizados nos últimos três anos por Cunha, que é arquiteto e professor da Escola de Artes Visuais do Parque Lage, onde se formou, nos anos 1980.

São cinco grandes desenhos e 38 pinturas em pequeno formato, óleos sobre tela. Em vez de perspectivas mais amplas, Cunha trabalhou imagens mais condensadas. Segundo o curador,  "o desenvolvimento da pintura de Chico Cunha o levou paulatinamente a condensar, cada vez mais, tanto o espaço quanto os acontecimentos que ali se davam". "Juntar cada vez mais os objetos de modo a aproximá-los até fundi-los, para que tenhamos uma noção das coisas sem distingui-las exatamente", analisa Saraiva.

Chico Cunha – Pinturas e Desenhos fica no Paço Imperial até 2 de novembro. A visitação é de terça a domingo das 12 às 18 horas, com entrada gratuita.

Mais conteúdo sobre:
Chico Cunha Exposição Rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.