Ricardo Martinelli
Ricardo Martinelli

Mostra em SP reúne imagens do cotidiano às margens do Rio Ribeira de Iguape

São 59 fotografias em preto e branco que foram captadas nos últimos 5 anos por Ricardo Martinelli e Paulo Jolkesky

Adriana Ferraz, O Estado de S. Paulo

23 de fevereiro de 2019 | 03h00

Há 20 anos eles percorrem a calha do Rio Ribeira de Iguape, na divisa de São Paulo com o Paraná, em busca de cavernas. Há cinco registram em suas lentes os rostos e as histórias de sua gente. O resultado desse contato próximo dos fotógrafos Ricardo Martinelli e Paulo Jolkesky com a população ribeirinha, ao longo dos 470 quilômetros do rio, subiu a serra e pode ser conferido a partir deste domingo, 24, em exposição própria no Conjunto Nacional, na Avenida Paulista.

O projeto Retratos do Ribeira é um documentário fotográfico de um diversificado mosaico de culturas que abrange antigos colonos japoneses, alemães e italianos, diversas áreas quilombolas, aldeias indígenas e caiçaras do litoral paulista. O público poderá conferir 59 fotografias em preto e branco que revelam os rostos e o dia a dia de quem vive às margens do Ribeira e enfrenta o desafio diário de preservar áreas remanescentes de Mata Atlântica e desenvolver uma economia local sustentável.

Durante a jornada pelo rio, Martinelli e Jolkesky, que também são espeleólogos, registraram mais de 12 mil imagens da região entre idas e vindas pelas margens num total de 6 mil quilômetros rodados.

“A exposição é uma homenagem à vida e à natureza. Impossível não se emocionar com as imagens que compõem a mostra e que nos fazem participar das alegrias e aflições de um povo diverso, mas unido geograficamente por um dos últimos grandes rios do Brasil sem barragens”, diz Martinelli.

As imagens escolhidas para compor a exposição estampam as tarefas cotidianas dos moradores, como a pesca e as travessias pelo rio, o sustento pelo artesanato local e as festas religiosas transformadas em romarias pelo rio. Após a visita, os autores esperam que ao menos uma pergunta seja levantada pelos visitantes: “O que estamos fazendo para preservar nossas tradições?”.

*

RETRATOS DO RIBEIRA

Conjunto Nacional. Av. Paulista, 2.073, piso térreo. Abertura domingo (24/2), às 15h30.

2ª a sáb., 6h/22h; dom., 10h/22h. Até 14/3

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.