Morre o escritor do thriller cult À Queima-Roupa

Donald E. Westlake era mais conhecido como Richard Stark; venceu vários prêmios e concorreu ao Oscar

Luiz Carlos Merten, O Estadao de S.Paulo

02 de janeiro de 2009 | 00h00

Ele escreveu mais de 100 livros, dos quais 15 foram adaptados para o cinema. Na quarta-feira, Donald E. Westlake morreu no México, onde passava férias. Tinha 75 anos e sua mulher, Abigail, informou que o ataque fulminante do coração ocorreu quando o casal deixava o hotel para ir a uma festa de réveillon. Donald quem? Para um autor de uma centena de livros, você deve estar-se perguntando quem foi esse cara. Pois foi com o pseudônimo de Richard Stark que ele se tornou mais conhecido. Em cerca de 50 anos de carreira, ganhou três prêmios Edgar (o Oscar dos autores policiais), foi indicado para o Oscar de verdade (o prêmio da Academia de Hollywood) pelo roteiro de Os Imorais, de Stephen Frears, e recebeu o título de mestre, outorgado pela Associação dos Escritores de Mistério dos EUA, em 1993.Seu primeiro livro, Os Mercenários, data de 1960. O que seria o 105º, Get Real, estava programado para sair este ano, mas ainda não está claro se Westlake conseguiu concluí-lo. Ele também usou pseudônimos como Tucker Coe, Samuel Holt e Edwin West, mas foi como Richard Stark que escreveu seus melhores livros. Em 1967, John Boorman fez um dos grandes filmes daquela década baseado em Richard Stark - À Queima-Roupa, com Lee Marvin, incorporou novas técnicas de narrar (absorvidas do francês Alain Resnais) a um tenso relato policial. Mais de 30 anos depois, À Queima-Roupa virou O Troco e o diretor e roteirista Brian Helgeland jura que seu filme foi estragado pelo astro Mel Gibson na montagem. Curiosamente, o roteiro de Os Imorais foi assinado pelo autor com seu nome verdadeiro. Poucas vezes se viu uma dupla de predadoras como as que cercavam John Cusack - Anjelica Huston como sua mãe e Annette Bening como a amante.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.