Morre em Madri o ator, cineasta e escritor Fernando Fernán Gómez

O ator, cineasta e escritor Fernando Fernán Gómez (foto)morreu quarta-feira, aos 86 anos, no hospital da Paz de Madri, onde estava internado há alguns dias, segundo a Sociedade Geral de Autores e Editores. Uma das grandes figuras do cinema na Espanha, ele nasceu em Lima em 1921, durante uma viagem que sua mãe, a atriz Carola Fernán Gómez, realizava pela América Latina. Foi registrado no consulado de Buenos Aires e conservou a nacionalidade argentina até 1970, quando se naturalizou espanhol. Protagonista de quase 200 filmes, diretor de mais de 20, em sua filmografia estão O Espírito da Colméia (1973), Mamãe Faz Cem Anos (1979), O Inquilino (1957) e Tudo Sobre Minha Mãe (1999). O teatro foi outra de suas paixões e em 1960 criou sua companhia, dirigindo e atuando em obras próprias. Na literatura se revelou romancista com O Vendedor de Laranjas (1961).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.