Marcos Palmeira leva índios para a TV

Feito pelas tribos

Alline Dauroiz, O Estadao de S.Paulo

26 de maio de 2008 | 00h00

Longe da polêmica da demarcação de terras na reserva Raposa Terra do Sol, em Roraima, a Cultura estréia no próximo domingo, às 18 horas, a série A?uwe (lê-se "auê", que significa "povo indígena"). Apresentada pelo ator Marcos Palmeira, que teve imagem cedida pela Globo, a atração de 26 capítulos "é uma janela para tudo o que está sendo feito em relação aos índios no País", explica o ator.O nome de Palmeira não foi escolhido ao acaso. A idéia surgiu do documentário Expedição A?uwe - A Volta de Tsiwari, que mostra a viagem dele à aldeia dos índios Xavantes, no Mato Grosso, em 2005. Assim, o convite foi natural, ainda mais após Carlos Wagner La-Bella, produtor-executivo do documentário, assumir, no ano passado, a vaga de diretor de Prestação de Serviços da Cultura, que cuida dos documentários da casa. A direção do programa é de Laine Milan, diretora do filme.Nos dois primeiros episódios, A?uwe mostrará partes do filme de Palmeira. "Lá se explica minha relação com a causa indígena." Depois, trará documentários feitos por índios, além da interação com o público, que poderá mandar imagens captadas nas tribos do País.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.