Longe do original

Rede faz versão da adaptação de Betty

Cristina Padiglione, O Estadao de S.Paulo

24 de dezembro de 2008 | 00h00

Primeiro fruto da parceria da Record com a Televisa, a versão brasileira da novela A Feia Mais Bela terá sua escalação de elenco acertada em abril. A previsão é de que a trama entre no ar no máximo em julho, inaugurando o terceiro horário de novelas da emissora, há muito tempo anunciado. No entanto, vale ressaltar que a adaptação da Record não será feita a partir do texto original Betty, La Fea, do autor colombiano Fernando Gaitán, que foi sucesso na Rede TV!. Nem mesmo terá origem no fenômeno Ugly Betty, da Disney - em cartaz por aqui no canal pago Sony e no SBT -, que tem produção de Salma Hayek e cujo formato está sendo oferecido ao mercado latino - no mesmo esquema de Donas de Casa Desesperadas, que a Rede TV! tentou emplacar no ano passado. A Record fará a versão brasileira do texto mexicano já adaptado da história de Gaitán, que vendeu seu texto para diversos grupos televisivos pelo mundo.Aliás, a Globo está tentando entrar no mercado de venda de formatos com atrações como o quadro Soletrando, do Caldeirão do Huck, e até o programa da Xuxa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.