La Marca de um quarteto inédito de flautas

O jovem grupo Quinta Essentia lança amanhã seu primeiro trabalho, que reúne obras desde o século 16

Livia Deodato, O Estadao de S.Paulo

12 de dezembro de 2008 | 00h00

Eles têm entre 22 e 30 anos e formaram um quarteto brasileiro inédito só de flautas doces há dois anos. Um de seus desafios é mostrar que a utilização do instrumento vai muito além dos cursos de iniciação musical. "Um quarteto de flautas doces ainda é algo muito distante dos brasileiros, que não fazem idéia das possibilidades sonoras que ele pode alcançar, que não sabem que existem diversos tipos de flautas", diz Renata Pereira, de 25 anos, a única mulher do grupo.   Ouça trechos de Um a ZeroO Quinta Essentia, batizado assim em 2006 pelo fato do quinto elemento integrante ser justamente a flauta, vai mostrar amanhã na Livraria Cultura e no dia 20 (às 19 h, no Iguatemi de Campinas) o amplo repertório que pouco mais de 20 tipos diferentes do mesmo instrumento é capaz de oferecer. É inevitável o trocadilho com o nome escolhido para o título do primeiro disco: La Marca de um grupo jovem que tem tudo para se solidificar. "Pensamos em reunir no mesmo CD o que mais gostamos de tocar e o que oferece o máximo de possibilidades do instrumento. Por ser o nosso primeiro trabalho, queríamos que fosse um cartão de visitas e não se fechasse em apenas um período da música", conta Renata.O título do álbum, por exemplo, veio da composição do italiano Tarquinio Merula (1595-1665), de cuja obra o quarteto também interpreta La Merula. Músicas de William Byrd, Diomedes Cato, Henry Purcell, Joseph Bodin de Boismortier e um belo arranjo de Hélcio Müller para a clássica Um a Zero, de Pixinguinha e Benedito Lacerda, oferecem uma amostragem de tudo que são capazes de recriar com qualidade.Alfredo Zaine, Gustavo de Francisco, Guilherme dos Anjos e Renata não só se dedicam à prática da interpretação historicamente orientada, como estimulam a composição de novas obras voltadas para o instrumento, por meio do Projeto Identidade. "Pretendemos lançar um álbum só com novos autores", adianta Renata. Para ficar de olho. ServiçoLivraria Cultura. Av. Nações Unidas, 4.777, Shop. Villa-Lobos, tel. 3024-3599. Amanhã, 17 h. Entrada: 1 kg de alimento não perecível

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.