Futebol bate recorde

Pay per view Globosat: Regionais alavancam BBB e vice-versa

Cristina Padiglione, O Estadao de S.Paulo

10 de abril de 2009 | 00h00

A Globosat contabiliza, até aqui, 612 mil assinaturas vendidas dos campeonatos estaduais de futebol, ante 466 mil do ano passado. É claro que uma injeção de incentivo no empacotamento de vários canais ppv, por custos menores, tem peso no crescimento, mas esse tipo de serviço não deveria ser algo supérfluo em tempos de crise?"Nada do que vendemos é supérfluo", crava o diretor dos canais ppv da Globosat, Elton Simões. Nem pagar para ver Big Brother Brasil por 24 horas diárias? Bem, este ano, foram 216 mil assinaturas de BBB9, ante 163 mil de 2008. Sem menosprezar o acesso que assinantes da TVA passaram a ter aos canais Globosat, convém valorizar outros fatores.O ppv do futebol regional alavanca e é alavancado pelo BBB. Não só porque ambos acontecem na mesma época, mas também porque descontos na compra dos dois canais acabam contemplando mais gente da mesma família. "Vendemos para o domicílio, e não para o indivíduo. O futebol, por exemplo, enfrentava mais resistência de algumas pessoas do domicílio (leia-se, as mulheres), que agora são compensadas por outros canais de um mesmo pacote", diz Simões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.