Cortesia Subastas Morton/ EFE
Cortesia Subastas Morton/ EFE

Fotografias do funeral de Frida Kahlo serão leiloadas no México

Artista mexicana nasceu em 6 de julho de 1907 e morreu em 13 de julho de 1954

Redação, EFE

22 de julho de 2020 | 11h40

Um conjunto de fotos do funeral de Frida Kahlo, que morreu em 1954, será leiloado no próximo sábado, 25, no México, informou nesta terça-feira a casa de leilões Morton Subastas.

É possível observar nas fotografias, atrás da carruagem que leva o corpo da artista, o ex-presidente do México, Lázaro Cárdenas, e o ex-marido de Frida, o artista Diego Rivera.

Frida Kahlo

Ativista, comunista, bissexual, transgressora, Frida Kahlo expressou todo o seu sofrimento em sua obra e foi a primeira artista latino-americana a vender um quadro por US$ 1 milhão. Símbolo do feminismo e ícone da moda, a pintora mexicana nasceu em 6 de julho de 1907 e morreu em 13 de julho de 1954. Conheça 10 fatos sobre Frida, que ainda hoje inspira músicos e costumes.  

O estilo preferido de Frida em roupas era o típico mexicano, com túnica, xale e saia longa estampada, que a ajudava a esconder a perna mais curta, consequência da pólio contraída na infância, e as marcas de cirurgias.

Aos 18 anos, Frida sofreu um grave acidente de ônibus no qual teve múltiplas fraturas, tendo ficado entre a vida e a morte e passado por 35 cirurgias. Foi nesse período, em que ficou presa à sua cama, que começou a pintar.

Aos 22 anos, casou-se com o pintor e muralista Diego Rivera, de 43 anos. Uma relação conturbada, cheia de traições de ambas as partes. Bissexual, Frida teve vários amantes, entre eles o revolucionário russo Leon Trotski.

Sobre sua preferência em pintar autorretratos, 55 entre as 143 pinturas que produziu, que se tornou seu estilo mais característico, Frida Kahlo explicou: “Pinto a mim mesma porque sou sozinha e porque sou o assunto que conheço melhor”.





 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.