Escolhas individuais e coletivas

Astral

Quiroga, O Estadao de S.Paulo

10 de dezembro de 2008 | 00h00

Data estelar: Sol e Urano em quadratura; a Lua transita por Touro se aproximando da fase Cheia.Enquanto isso, aqui na Terra a combinação de festas de fim de ano, acúmulo de desejos insatisfeitos e perplexidade diante do panorama mundial pressiona nossa humanidade para que, na melhor das hipóteses, mude radicalmente o ponto de vista através do qual tenta entender o que acontece. Na pior das hipóteses, a mesma pressão estimula a violência egoísta, velha conhecida. O ônus da escolha do ponto de vista é individual, determinando o lugar que cada ser humano ocupa na escala de evolução que conduz ao contato consciente e participativo com mundos mais vastos de experiência. O que agrega complexidade ao momento atual é que, além dessa escolha individual, há de se fazer uma escolha coletiva também, reinventando-se a própria civilização.ÁRIES 21-3 a 20-4O círculo de amizades tornou-se restrito, perdeu em quantidade, mas ganhou em qualidade. A troca foi justa, pois dessa forma sua alma reconhece com clareza e sinceridade as pessoas com que realmente vai poder contar no futuro.TOURO 21-4 a 20-5A preguiça é tentadora, seduz através da sugestão de o descanso ser merecido, num momento em que as circunstâncias exigem concentração e esforço. Descanse, isso é legítimo, mas não transforme o descanso num objetivo em si mesmo.GÊMEOS 21-5 a 20-6No meio da confusão e do tiroteio que as palavras criam, também acontecem bênçãos e milagres. Porém, essas maravilhas só se tornam perceptíveis às pessoas que se dispõem a continuar firmes no melhor ponto de vista possível.CÂNCER 21-6 a 21-7Atenda ao chamado de ajuda que é dirigido à sua alma. Você não perderá tempo nem boas oportunidades de progredir pessoalmente atendendo ao pedido de ajuda. Pelo contrário, ganhará através da experiência graciosa do amor.LEÃO 22-7 a 22-8Situações difíceis e provas duras foram experimentadas durante um longo tempo. Em alguns casos sua alma saiu vitoriosa, em outros é preferível esquecer. O que importa, no entanto, é você ter aproveitado tudo para forjar seu caráter.VIRGEM 23-8 a 22-9Em alguns momentos, sua alma fica com saudades do passado. Porém, se você pensasse com a mão no coração, perceberia imediatamente que no passado as coisas não eram melhores do que na atualidade. Melhor adotar uma postura realista.LIBRA 23-9 a 22-10Deixar de cumprir uma tarefa de sua responsabilidade não passará em branco para a consciência, logo ela emitirá o tom da culpa e você continuará pensando em tudo que teria de ter feito, mas não fez. Valerá a pena entrar nessa rotina?ESCORPIÃO 23-10 a 21-11É normal que você pense muito a respeito da recompensa que haveria para si nos projetos empreendidos. Porém, se pensasse menos na recompensa, que está no fim, e mais na eficiência, que é o caminho, então tudo daria mais certo.SAGITÁRIO 22-11 a 21-12Na maior parte dos casos, isso que chamam de crise financeira global tornou-se argumento para recusar ofertas de negócios e pedidos de ajuda. Nesses casos, não é a crise a que produz esse comportamento, mas o medo.CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1Sempre haverá, próximo a você, alguém que se encontre numa situação mais complicada do que a sua. Esta será a oportunidade de demonstrar compaixão, deixando de lado as preocupações particulares e oferecendo ajuda e compreensão.AQUÁRIO 21-1 a 19-2Evite queixar-se a respeito da dose de esforço que o destino parece exigir de sua alma. Acontece que as tarefas mais duras e difíceis são designadas às almas capazes de assumirem esse tipo de responsabilidade. Entendeu agora?PEIXES 20-2 a 20-3O que outrora foi inaceitável agora faz parte de sua vida. Assim são as coisas e, por isso, sempre será uma postura sábia a de se tornar o mais flexível possível, para que a alma seja receptiva o suficiente ao que for inevitável.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.