Em cena

SextaCarlinhos Kalil e Serginho Aun abrem a Pacha para gigs do Kaskade e Wonderland Avenue, da música Wild Horse. E sábado o egípcio Fadi Naguib representa Tiesto na noite em prol do projeto HIV Dance4life.SábadoEm vez de moda, arte. Mas, sendo Isabela Capeto, há um pouco dos dois em turquesa, amarelo, pink e lilás na coleção inspirada no México. Vai mostrar no Galpão da Fortes Vilaça, transformado por Alberto Renault. Dia 25 Galeristas Luciana Brito e Fábio Cimino fazem na Brito Cimino - o imperdível - vernissage de Objeto Transitório Para Uso Humano, da italiana performática Marina Abramovic, com ela em cena.PoderOntem só se falava da saída de André Esteves do UBS Pactual. Com a movimentação, Rodrigo Xavier é nomeado CEO-Brasil, reportando-se a Jerker Johansson, CEO do UBS Investment Bank. Comprometido a não abrir e não ligar-se a outro banco, Esteves vai admistrar seu patrimônio e, com os 10 que saíram com ele, montar fundo de equity. É no escritório de arquitetura do presidente do Masp, Júlio Neves, que está sendo desenhado o projeto-plataforma de campanha de Paulo Maluf: a construção da laje sobre as marginais Tietê e Pinheiros, com 45 km de via expressa, sem semáforos, que abriria mais oito pistas e, segundo ele, faria fluir o trânsito da cidade. "Quando fiz o Minhocão diziam que não daria certo, assim como esta obra, que vou entregar em 3 anos", disse o deputado que, confiante por conta da lotação do lançamento, segunda, de Ele, Maluf, Trajetória de Audácia - vendeu 900 livros -, ontem ainda repetia o ditado árabe: ?A medida do peso é o quilo, a do espaço é o metro, a do tempo é o segundo. E a da fortuna de um homem, o número dos seus amigos?. E disse à coluna: "Quase 200 pessoas saíram sem autógrafo." Entre os que não ficaram na fila? Abram Szajman, Guilherme Afif e Ermelino Matarazzo, que assessores de Maluf caçavam ontem para enviar livros autografados. Mais e mais É sem limites a obsessão de Aécio Neves por ter no Mineirão a abertura da Copa de 2014. Ontem, no jogo contra a Argentina, enquanto faturava politicamente mostrando os novos placares e telões, deixava claro que a próxima e mais difícil etapa é instalar o teto retrátil no estádio. "Será uma parceria público-privada, com controle do Estado. O edital da licitação sai semana que vem e o projeto deve ser nos moldes do que se viu de mais moderno na Alemanha", diz. O governador quer o teto pronto antes do início da eleição para a sede do primeiro jogo. Chico 10 Canções Chico Buarque está em Paris, isolado, escrevendo um novo romance. Enquanto isso, por aqui, Rodrigo Teixeira, da RT Features, toca o projeto que marca seus 60 anos: Chico 10 Canções. A idéia, de Teixeira, tem o espírito multimídia (e de sucesso) de seus projetos Camisa 13 e Amores Expressos, para os quais chamou times de autores estrelados para escrever livros sobre futebol e amor, depois transformados em filmes. Desta vez são contos - inspirados em músicas de Chico que, numa tarde de sol carioca, já no primeiro encontro com Teixeira em seu apartamento no Leblon, ouviu a pauta de um Rodrigo intimidado por seus olhos cor de ardósia: "Dar 10 músicas 100% compostas por você para 10 autores latino-americanos transformarem em contos que serão lançados em um único livro, desdobrado em projetos multimídia." Chico, em raro momento, balançou a cabeça e disse duas frases: "Gostei!" e "Pode fazer". No ato, Ronaldo Bressane, ex-diretor de redação da Trip, foi acionado para coordenar. E, da lista de hypes para a escrita, foram escalados quatro estrangeiros e seis brasileiros. Mia Couto vai criar para Olhos nos Olhos; os argentinos Alan Pauls para Ela Faz Cinema e Rodrigo Fresan para Outros Sonhos; e o mexicano underground Mario Bellatim faz Construção. Carola Saavedra escreve sobre Mil Perdões, Luis Fernando Veríssimo, Feijoada Completa; André Sant?Ana, Brejo da Cruz; o crítico musical Cadão Volpato, Carioca; João Gilberto Noll, Vitrines. Folhetim vai para o eterno apaixonado, que como poucos fala da dor de corno, Xico Sá. Barulho bomA vida anda boa para Marisa Monte, grávida de seu segundo filho. O namorado, Diogo Pires Gonçalves, já se mudou para a casa dela. Para o futuroMargareth Menezes nasceu na Ribeira, em Salvador, e, agora que ficou rica, olha para trás. Para ajudar as crianças do bairro está abrindo uma ONG. Fábrica Cultural é o nome e o objetivo, capacitação profissional. Nasce hoje em Sampa, ainda sem nome ou data para batismo, um projeto para promover revival do chachachá - e nem pense em banda de rumba ou qualquer caricatura latina. Quem se arrisca no mambo é o punk João Gordo com grupo de amigos igualmente tatuados: os irmãos Munari, do Pavilhão 9, e André Jung, do IRA! O clima é de reunião de amigos, mas, pela animação, espera-se pelo menos um pocket show. Marina Person vai fazer sua estréia no teatro com um textos de JoePintauro, Davies Ives, Ivo Muller e Guilherme Solari. Como diretora de uma comédia do absurdo, Mènage, ela começou a ensaiar os três esquetes com a sua irmã, Domingas, contracenando com o marido, Ivo Muller. Os conflitos? Atualíssimos. O primeiro casal é rico, metido, vegetariano e budista; o segundo é consumista e o terceiro engata num diálogo nonsense. O figurino vai ser de Rita Wainer. Muito alémFoi Neila Alckmin, vidente já falecida, conselheira de JK e Tancredo, quem apontou para Eike Batista os principais pontos da Bacia de Campos para exploração. Chegou a produzir mapa indicando locais de reservas - cuidadosamente guardado por Eike, que segue à risca a exploração. Não tem tu...Em Brasília a oposição já chama o advogado Roberto Teixeira de primeiro-compadre. Sabe que...Ontem corria, por conta dos 11 vereadores declarados contra Alckmin, que ele pode renunciar na convenção de domingo O galerista Edu Leme pegou Nina Pandolfo para seu time - e, para Aos Nossos Olhos, a primeira individual da grafiteira no Brasil, deixou-a desenhar nas paredes do projeto de Paulo Mendes da Rocha para a galeria, onde mostra esculturas e telas. O hype? Nina é casada com Otávio Pandolfo, um de osgemeos - que, aliás, depois de grafitarem a fachada da Tate, ganharam mais atenção de Jeffrey Deitch:. Leia-se: nova expo na Deitch Gallery, em NY Desdobramento da Tarântula, marca da stylist Chiara Gadaleta: uma linha para casa Márcio Menescal, que dá cara nova à bossa nova misturando-a à eletrônica, comemora a aniversário do ritmo produzindo documentário que sai do forno em setembro Ontem, Marta Suplicy esteve em Taboão da Serra, administrado pelo PSB, sob pretexto de pesquisar o esquema de ensino - e até falou na cidade que iria copiar em São Paulo. Isso que causou ciumeira no PT. Primeiro, porque petistas se julgam em condições de traçar um plano de educação para a cidade. Dois: o PSB nem apoiou efetivamente Marta Justo ele... Fundador da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade, Alfredo Halpern, especialista em distúrbios metabólicos - considerado rei do regime -, bate o pé: "Não adianta sofrer com dietas mirabolantes." Para popularizar a teoria e sua dieta dos pontos, escreveu com Ana Paola Monegaglia Vidigal e Mônica Beyruti o livro Abaixo o Regime.SimA preocupação de Alexandre Herchcovitch é que, mais uma vez, falem mais da (re)venda de sua marca do que de suas roupas. Por isso só deixa contarem que está negociando com o InBrands. Mas fato é: o estilista já saiu do Grupo I?M não com um, mas com os dois pés no conglomerado controlado pelo Pactual - tanto é que seu verão é vendido com outras marcas do grupo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.