Direto da fonte

Seleção Financeira BrasileiraBem organizado, rápido e eficaz foi o jantar de 40 anos da Febraban, quinta-feira, em meio à polêmica sobre as tarifas bancárias. Em clima de festa, o ministro Guido Mantega mal tocou no assunto no seu discurso. O mesmo fizeram Henrique Meirelles e Fábio Barbosa, dirigente da federação. Também, não teriam por quê. As regras sobre a cobrança já estão definidas e, pelo que se apurou, há mais sinergia entre as instituições financeiras e as autoridades do que ambos os lados querem fazer crer. Como assim? Todos hoje concordam que é mais que salutar dar maior transparência a essas tarifas, oferecendo aos clientes condições de saber o que exatamente estão pagando e por quê. Vem congelamento por 180 dias? Pode até ser, mas vale o aviso: os bancos reajustam seus preços a cada seis meses ou um ano. Portanto, uma medida deste tipo seria algo, assim, inútil: só para "cliente ver".Na mesa principal, Fábio Barbosa, Pedro Moreira Salles, Roberto Setúbal, Lázaro de Mello Brandão, Marcio Cypriano, Gabriel Jorge Ferreira, Guido Mantega, Henrique Meirelles, Gilberto Kassab, Arlindo Chinaglia e o deputado peemedebista Rodrigo Rocha Loures. Estranhou-se a ausência de Gabriel Jaramillo, do Santander: ele tinha um compromisso anterior, em Florianópolis.PrimeiraConvidada pela ONU, a Petrobrás vai aderir à Iniciativa para a Liderança Globalmente Responsável.Casa nova?Com a fusão da TBWA com a LewLara, Luis Grottera, que era presidente da empresa, acabou sendo "comprado".Novos rumos? Foi visto no restaurante Goya almoçando com Roberto Justus.Back to the FutureNos bastidores do mercado televisivo não se fala em outra coisa: Boni estaria, mais uma vez, negociando parte do SBT, de Silvio Santos. Com aval da Globo, que prefere ter como concorrentes dois "ex-funcionários".Rodas engessadasTerminou ontem o prazo dado pelo Ministério do Poder Popular da Venezuela para que as montadoras do país apresentem seu programa de produção e importação de veículos, seguindo determinação do presidente Hugo Chávez, em decreto baixado em meados de novembro.Chávez está restringindo a importação de carros, para fazer do país um grande produtor automotivo. O decreto é um espanto. Só falta Chávez controlar a cor dos uniformes dos empregados das empresas. Se a moda pega...Verso e reversoEntre irônico e irritado, o ministro José Gomes Temporão reclamou, anteontem, do "complexo de vira-lata" dos brasileiros, que, ao invés de festejar a entrada no time de IDH mais alto, se lastimam por "estarmos ainda atrás da Albânia..." E 24 horas depois, a voz da realidade: o Brasil pegou 52º lugar, entre 57 países, no provão mundial sobre aprendizado de ciências. E o Inep admite: "É preciso melhorar, sim".Da vidaO senador Edward Kennedy acaba de acertar a venda de suas memórias para a Hachette. Segundo o The New York Times, por algo em torno de US$ 8 milhões. Próximo à soma recebida por Hillary Clinton.Lição de casaObviamente, não faltarão autoridades de Bogotá entre os representantes de 50 capitais que se reúnem segunda-feira, em BH, no encontro Metrópoles. Vão contar, mais uma vez, como reduziram a criminalidade por lá. Pesquisa tucanaEstá nas mãos de lideranças do PSDB uma pesquisa que dá vitória, hoje, a Geraldo Alckmin em todos os possíveis cenários na corrida à Prefeitura paulistana em 2008. Sem ele, é Marta Suplicy quem leva. Com todos juntos, Alckmin tem 28,9%, Marta 25,6%, Maluf 11,6% e Kassab 10,7%. Sem Alckmin, Marta venceria Kassab por 32,4% a 16,9% no 1º turno e por 47% a 30% no 2º. Kassab cresceu bastante desde março, mas ainda não ameaça os dois. O instituto Opinião e Pesquisa ouviu 816 eleitores. Margem de erro: 3,5 pontos.Impressão DigitalStephen GreenE não é que o HSBC escolheu o Brasil como palco para o encontro de fim de ano do seu conselho mundial de administração? Para tanto, Green, presidente mundial do HSBC, e Michael Geoghegan, CEO mundial do banco, aterrissaram em São Paulo para um jantar, esta semana, na Fundação Maria Luiza e Oscar Americano. A escolha do Brasil não foi por acaso: o grupo britânico está comemorando 10 anos no País.NafrenteArthur Casas é quem assina o projeto de arquitetura interna do Shopping Cidade Jardim, da JHSF. Inauguração em março. Depois da estréia de sua exposição, hoje, na Galeria Fortes Vilaça, Beatriz Milhazes ganha festa-homenagem. Marcia Fortes, Alessandra d''''Aloia e Raul Doria são os anfitriões. Local: a produtora Cine, de Raul. Com exposição marcada para o ano que vem na Pinacoteca, a escultora espanhola Cristina Iglesias deu um rasante na cidade para conhecer o espaço. Foi recebida por Marcelo Araújo, diretor do museu.O músico Edson Natale convidou o jornalista Luiz Nassif para divertida participação em Calvo, Com Sobrepeso, seu novo CD. Más notícias para Ana Maria Braga. Pela primeira vez em cinco anos, não vai levar o troféu de Melhor Programa Feminino no Prêmio Qualidade Brasil, que será entregue no Monte Líbano, segunda-feira. Ele vai para o Hoje em Dia, seu principal concorrente.Gilson Monteiro, da Rádio Eldorado, ficou em segundo lugar entre 49 jornalistas de 13 países, no Prêmio Eloquium de Comunicação 2007, da Boehringer Ingelheim. O movimento do leilão de abertura das ações da BM&F foi tamanho que travou o sistema da Bovespa por mais de 30 minutos. Total sucesso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.