Direto da fonte

Missão: vivos e hidratadosA crise está aí, existe, e não há surpresa nos números divulgados esta semana sobre a redução da produção industrial. Mas, em vez de se lamentar, as empresas devem olhar para o grande desafio que é "como atravessar o deserto", alerta José Roberto Mendonça de Barros, reconhecido economista da economia real. "As empresas não podem chegar ao fim desta crise desidratadas, sem forças para crescer ", adverte. Elas têm que estar prontas para ocupar espaço assim que a situação se reverter.Este divisor de águas determinará o futuro de muitas. Noves foraMarcos Vilaça recusou o convite para presidir o conselho da Fundação Bienal de São Paulo. É um cargo sem liquidez.Dia do ficoNas negociações para compra da Santaelisa/Vale, os compradores já perceberam.Leva quem permitir a maior participação dos atuais donos da empresa.Out of ÁfricaO Rio tem sorte. Quem esteve semana passada em Johannesburgo ficou chocado com a precariedade do sistema hoteleiro, constatando que a África do Sul não está preparada para ser sede da Copa em 2010.O que quer dizer que, depois dela, qualquer coisa que se faça será melhor.Out of Africa 2Já quem passou por Angola, registrou: o segundo faturamento da Camargo Correa hoje, entre os 20 países que atua, vem de obras por lá.Só perde para os projetos realizados no Brasil.Out of Africa 3E Moçambique foi o único da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa a ignorar o acordo ortográfico. Seu presidente, Armando Guebuza, diz que quer antes fazer uma consulta nacional.OMBRO AMIGOEm fórum realizado em Vitória, o secretário nacional de Segurança Pública, Ricardo Balestreri, atacou duramente o corte de recursos na área da Justiça e "a desinteligência dos tecnocratas".A ponto de o governador Paulo Hartung avisar: "Se precisar de um exílio, conte com o Espírito Santo..."AULAS PARA A PAZSergio Vieira de Mello será nome de escola que estudará a mediação dos conflitos internacionais. O pai da ideia, Clóvis Brigagão, da Universidade Cândido Mendes, vai para Oslo, onde acertará parcerias para o projeto. E lá terá a primeira bolsa de um estudioso brasileiro no Instituto Nobel da Paz.Lula e a rainhaA imagem de Lula ladeando a rainha Elizabeth II com Gordon Brown, tendo ao fundo Barack Obama, na foto oficial do G-20, impactou mais que palavras. Não se falava em outra coisa, ontem, no mercado brasileiro - além, é claro, dos US$ 1 trilhão de ajuda anunciado em Londres. E o que se constatou foi que a proximidade de Lula com "olhos azuis" lhe faz bem.Credita-se, no entanto, o destaque na foto à regulação montada no governo FHC, que hoje permite ao Brasil ser dos poucos, no mundo, a ter um sistema financeiro saudável.A bancada cresceMichel Temer, 68, tem motivo para comemorar. A qualquer momento será pai de um menino.PARA TODOSIsso é que é temporada popular. O Lanònima Imperial, de Barcelona, chega por aqui para dançar por até R$ 4.Branquinha boaJoão Pedro Simonsen, dono da Cabana Cachaça, está rindo à toa, e não é por beber.Em degustação de 847 bebidas de 63 países, sua pinga conquistou a Double Gold Medal na San Francisco World Spirits, o "Oscar" das bebidas destiladas.Na frenteAproveitando a popularidade do cantor Daniel em Portugal, o lançamento de O Menino da Porteira por lá deve vir junto com o lançamento do CD da trilha sonora do filme. Assinada por... Daniel. Elementar.Oficialmente, a Flipinha começa hoje. Com oficinas para os professores de Paraty. Pesos-pesados do mercado financeiro internacional chegam ao Brasil dia 4 de maio. Debatem saídas para a crise financeira. No Alternative Investment Summit Brasil. Marie Rucki está de volta. E traz a tiracolo o também especialista em moda Fabrice Paineau. A dupla monta quartel no Hotel Regent Park.O escritor e jornalista português Miguel Sousa Tavares vem para o Brasil. Participa, em maio, do Festival da Mantiqueira, em São Francisco Xavier. O concurso Mr. e Miss Dog promete ser o ponto alto do Campinas Pet Fashion, fim de semana. Os peludos vencedores ganham viagem a Brotas... Com aval de Alex Atala, a Tramontina lança linha de panelas. Dia 8, na Mickey Home. Mart''nália sobe hoje ao palco do HSBC Brasil. Show tem direção Marcia Alvarez e cenários de Fabio Delduque.Para não queimar o filme, literalmente, Lula - O Filho do Brasil, foi segurado em R$ 12 milhões. O contrato inclui todas as fases da produção. Paula e Jaques Morelenbaum preparam recital ''al mare''. A convite de Renata Mellão, a dupla faz show, 1º de maio, no Vila Naiá. Em Corumbau. A Câmara investiu R$ 15 mil em serviços de desratização e o Judiciário vai gastar R$ 281 mil na compra de 165 poltronas e cadeiras. Pode-se concluir que haverá uma grande caçada no Congresso e os tribunais a tudo assistirão sentados?Direto da fonteColaboraçãoDoris Bicudo doris.bicudo@grupoestado.com.brGabriel Manzano Filho gabriel.manzanofilho@grupoestado.com.brPedro Venceslau pedro.venceslau@grupoestado.com.brMarília Neustein marilia.neustein@grupoestado.com.brProduçãoElaine Friedenreich

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.