Direto da fonte

Céu azul, nem pensarNão faltassem problemas com a crise, os líderes do G-20 terão mais um a enfrentar, no encontro deste fim de semana em Washington: como evitar que o debate não leve a nada e reacenda as incertezas que, dia sim, outro também, fazem as bolsas despencar.Primeiro problema: o portador de esperanças Barack Obama não estará lá. Segundo, as diferenças entre EUA e europeus garantem que não haverá avanços."O que se pode esperar é que o G-20 faça recomendações a fim de que se adotem normas para melhorar a supervisão do mundo financeiro", prevê Ernesto Lozardo, da Economia da FGV. Ou seja, não se prevê céu de brigadeiro para segunda-feira.Cartões vermelhosO que está claro, adverte Lozardo, é que os US$ 700 bi do pacote americano são pouco para uma crise que já começa a por em risco as instituições financeiras.Para quem achar exagero, um número novo, ainda não digerido pelo mercado: a inadimplência dos cartões de crédito dos americanos, que é de US$ 300 bilhões.Sem apagãoA crise mundial ainda não chegou aos aeroportos brasileiros. O último balanço da Infraero avisa que o lucro líquido dos aeroportos foi de R$ 287 milhões entre janeiro e setembro - 12,5% mais que no mesmo período de 2007. A receita líquida foi de R$ 542,5 milhões. Por passageiro, a receita avançou 6,1%. Somando passageiros e cargas, esse número sobe para 9,6%.Lula, o filósofoO prefeito de Roma, Gianni Alemanno, deixou Lula numa saia-justa ao perguntar qual cidade era mais violenta: São Paulo ou Rio. O presidente enrolou o italiano.Na saída, um Lula exausto olhou a estátua eqüestre de Marco Aurélio e filosofou: "O cavalo precisa descansar." FiléCorrida no meio publicitário: Africa, QG, NBS e Leo Burnett disputam a musculosa conta do Wal-Mart. O valor do contrato? Estima-se perto dos R$ 20 milhões.A JWT, atual dona da conta, atende a rede até 2009, quando assume a nova agência.Ex é para sempreExatos R$ 244.153,17. Foi esse o valor que embasou pedido de prisão contra Flávio Maluf, no processo de pensão alimentícia movido pela ex, Jaqueline. Para a Justiça, deveriam ter sido pagos R$ 217 mil mensais, e não os R$ 100 mil. Segunda, ele obteve um habeas corpus no STJ. Advogada de Flávio, Gladys Chamma não comentou, alegando segredo de Justiça. Mundos e fundosEsta é da série nunca antes na história deste País. Uma unidade de conservação ambiental foi criada por um... fundo de pensão. A Funcef conseguiu aprovar seu projeto de criação da Reserva do Tanguá, no Rio. Investimento? R$ 5 milhões.Cacos da AméricaNo MAC ontem, Yoko Ono surfou na obamania: "Ninguém acreditava que a América ia mudar, e a gente está vendo que isso é possível."A viúva de John Lennon distribuiu aos presentes cacos de vaso quebrado. Disse que volta daqui a dez anos, quando terá 85, para colá-los. AdjetivosO presidente em exercício, José Alencar recebeu anteontem o presidente da Record, Alexandre Raposo. Que ouviu dele um elogio distraído: "O jornalismo da Record é fantástico." "Eu ia corrigir, dizendo é espetacular, mas deixei para lá", brinca Raposo.ConteúdoA mostra This Is Not a Void - contraponto à Bienal do Vazio - rendeu à galeria Luisa Strina lugar entre as dez melhores exposições do ano. Pela revista inglesa Frieze.Na frente Martelo batido. O show de fim de ano da Globo com Roberto Carlos será gravado no dia 11 de dezembro, no HSBC Arena, no Rio. E terá direção de Roberto Talma. As tops brasileiras prometem causar no show anual da Victoria?s Secret, hoje, em Miami. Além de Adriana Lima, que tem status de celebridade na marca, e da volta de Alessandra Ambrosio - que deu à luz há três meses - , é a estréia da baby angel Emanuela de Paula. Os artistas plásticos Ana Prata, Bruno Dunley, Lucas Arruda e Mariana Serri abrem, amanhã, exposição. Na Galeria Entre 5 Paredes.O Memorial da América Latina vai comemorar o Dia da Consciência Negra com um tributo a Tim Maia. A banda carioca Black Rio fará dueto com Mano Brown, quarta-feira, no auditório Simon Bolívar. Ronaldo conseguiu perder alguns quilos, mas o joelho... é aquele mesmo. Em passeio por shopping do Rio, o jogador foi visto ainda mancando.Fundador do Greenpeace, Patrick Moore chega ao Brasil para falar de assunto que conhece de trás para frente: sustentabilidade e meio ambiente.Interinos: Doris Bicudo, Julia Duailibi, Pedro Venceslau e Gabriel Manzano Filho. Direto da fonteColaboraçãoDoris Bicudo doris.bicudo@grupoestado.com.brJulia Duailibi julia.duailibi@grupoestado.com.brPedro Venceslau pedro.venceslau@grupoestado.com.brProduçãoMarília Neustein e Elaine Friedenreich

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.