Direto da fonte

Assim com o Homem O sonho do comando do PSB é se transformar, a partir das eleições municipais, em "aliado preferencial do lulismo". Atenção: do lulismo e não do PT. Os "socialistas" do governador Eduardo Campos e companhia querem liberdade para escolher os aliados na disputa pelas prefeituras, em outubro. Fortelecendo a máquina municipal e garantindo musculatura político-eleitoral para, em 2010, na sucessão de Lula, serem a "noiva".Pragmático, Campos diz para quem quer ouvir: "Se ficamos ao lado de Lula quando tudo era um enigma, em 2002, por que abandonar o lulismo quando ele está no auge da popularidade?"De um deputado petista sobre o apadrinhado de José Dirceu, que teria vazado o dossiê da discórdia: "No governo FHC, José Aparecido vazava a favor do PT. Agora, ele vaza contra". Mania?DesavisadaMaldade de um senador no cafezinho do Congresso diante das especulações sobre a saída de Marina Silva, deflagrada pela nomeação de Mangabeira Unger como coordenador do plano Amazônia Sustentável: "Será a primeira vez que alguém deste ministério leva Mangabeira a sério..."Ecos da senzalaRéplica de Aloízio Mercadante para Arthur Virgílio, nas comemorações dos 120 Anos da Abolição, no Senado: "Se Virgílio fosse senador na época, o projeto de Joaquim Nabuco teria recebido vários adendos. Sobre a Zona Franca, fundos de compensação e incentivos fiscais para o Amazonas. E tampouco seria aprovado".Spy X SpyNos altos escalões da segurança pública - PF, Abin, Justiça e Defesa - se discute a criação de uma lei que regulamente limites, direitos e deveres da figura do "agente infiltrado". Só que a conversa empacou quando se tocou numa obviedade: o "direito" do agente infiltrado participar de crimes para não ser detectado.Bom, para fazer omelete, é preciso quebrar os ovos.Bom problemaAinda no embalo do Dia das Mães, o ministro José Múcio recebeu de sua mãe uma mensagem preocupada: "Rezo todos os dias para acabarem seus problemas no ministério..."O filho pediu que ela não exagerasse nas preces. Afinal, se acabarem os problemas, acaba o ministério...Young PACA juventude brasileira está prestes a ser reconhecida na Constituição. Discute-se na Câmara uma PEC que abre caminho para o "PAC da juventude", pacote de investimento do governo numa faixa etária significativa: 51 milhões de pessoas entre 15 e 29 anos. DowngradeNa contramão do mercado imobiliário da Zona Norte, no edifício London, onde aconteceu o crime Isabella, os apartamentos se desvalorizam.Em dois deles, colocados à venda depois do episódio, o preço caiu de R$ 280 mil para R$ 230 mil.Aparências à parte, foi visível o desconforto de Henrique Meirelles, do Banco Central, quando inquirido anteontem, na CAE do Senado, sobre a criação do Fundo Soberano.Roupa novaA Nespresso conseguiu transformar o café em produto de alto luxo. Portanto, caro. Vendem, pelo mundo, 12 milhões de cafezinhos por dia, em 40 países, o que se traduz em faturamento de US$ 2 bilhões. Mantido o atual ritmo de crescimento, em 2010 serão US$ 4 bilhões.Na FrenteOs traços de Henfil ilustram, agora, todo o material de papelaria e promoção da agência de Washington Olivetto. Até as sacolas (ao lado).Flávia Brunetti, buyer da multimarcas Mezzanine, no Porto, é a primeira brasileira a integrar o Conselho Consultivo do Portugal Fashion, que terá sua próxima edição em outubro, fechando o calendário internacional da moda.Marcello Serpa, presidente da AlmapBBDO, recebe hoje o Lifetime Achievement Award, em Miami. Chegou ontem a Cannes Rodrigo Santoro, para acompanhar dois filmes: Che, dirigido por Steven Soderbergh, e Leonera, de Pablo Trapero. Em ambos, fala espanhol.Antônio Ermírio despertou desejos ao adotar órgão de uma igreja. Agora, é a Igreja Santa Cecília que busca um mecenas que restaure o seu, de 1914.Santa Catarina ganhou seis páginas da revista Monocle, nova criação do canadense moderno Tyler Brûlé, ex- Wallpaper. Na matéria, o destaque não são os surfistas e sim o setor econômico.Evo Morales manda ao Brasil, hoje, comitiva para conhecer o... Poupatempo.A chanceler Angela Merkel fez graça ontem com Lula. Deu-lhe uma garrafa de Brasilberg... um amaro brasileiro, da Underberg. Não encontrou algo para trazer da Alemanha?[AS MEDIDAS]Impressão DigitalAlcides AmaralCom os juros sem chances de baixar, o governo gastando mais do que deveria e o real supervalorizado, a balança comercial sofre danos. Nesse cenário, segundo o ex-presidente do Citibank, o Fundo Soberano não passa de saída "estratégica" para enxugar dólares sem ter que mexer em câmbio ou criar "barreiras" na entrada de dinheiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.