Desfiles, rock e música eletrônica na luta contra a aids

Em sua 16.ª edição, o Life Ball ocupou a prefeitura de Viena reunindo estrelas do mundo fashion e do cinema americano

Ricardo Bairos, Viena, O Estadao de S.Paulo

21 de maio de 2008 | 00h00

Alienígenas e celebridades tomaram conta da capital da valsa no fim de semana. Viena realizou mais uma vez o Life Ball, uma reinvenção moderna dos tradicionais bailes de gala locais com direito a desfile de moda e uma espécie de rave, tudo em nome de uma causa especial. O Life Ball, que está em sua 16ª edição, é o maior e mais espetacular evento beneficente da Europa na luta contra a aids. Desta vez, os ETs do tema baixaram na Áustria - acompanhados de nomes famosos como Kim Cattrall e Sharon Stone - para mostrar que o problema é ''universal'' e que todos precisam estar juntos para acabar com a ignorância e o preconceito.Cerca de 4 mil pessoas colocaram fantasias com motivos espaciais e pagaram 150 por ingresso para participar do evento na frente do imponente edifício da prefeitura da cidade, uma construção gótica do final do século 19. A festa, transmitida ao vivo pela TV em vários países da Europa, começou com um tapete vermelho no estilo do Oscar. Para reforçar a idéia de que todos estão ''juntos'' pela causa, os famosos caminharam na frente do fotógrafos e das câmeras de TV lado a lado com o público em suas fantasias.Este ano, a cerimônia de abertura da festa foi um tributo à grife britânica de lingerie Agent Provocateur, fundada em 1994 por Joseph Corré, filho de dois ícones do punk: a designer Vivienne Westwood e o empresário dos Sex Pistols, Malcolm McLaren. Dezenas de modelos - como a brasileira Janaína Reis, a senegalesa Dji Dieng, a britânica em ascensão Poppy Delavigne e a socialite americana Lydia Hearst - participaram do desfile/performance vestidas nas roupas íntimas que misturam glamour com fetiche. A passarela em forma de laço vermelho, o símbolo da solidariedade na luta contra o HIV, teve direito a voyeurismo e strip-tease, além de rock''n roll. Em outras edições, o Life Ball teve desfiles de marcas como Versace, Diesel, Jean Paul Gaultier, Roberto Cavalli e Missoni.Um dos destaques da cerimônia foi a participação da Samantha Jones de Sex and the City, Kim Catrall, que viajou a Viena logo depois da pré-estréia do filme em Londres, na semana passada. Cattrall, que surpreendeu o público ao falar alemão com fluência, é colaboradora da American Foundation for Aids Research (AmfAR), que participa do evento há três anos e fica com 50% de seu faturamento (no ano passado, o total foi de 1,2 milhão). A AmfAR, fundada há 25 anos, já arrecadou mais de US$ 260 milhões para a causa.''Depois de lidar com tantas perdas pela epidemia, a luta continua principalmente com a prevenção'', disse a atriz. ''A gente tem de proteger as novas gerações para que elas não sofram as mesmas perdas.'' A atriz também fez questão de dizer que promiscuidade, como a de sua personagem, não tem nada a ver com aids. O importante é usar camisinha. ''Tanto eu quanto a Samantha sempre carregamos uma camisinha na bolsa. Mesmo que não aparecesse na televisão, era importante na minha cabeça ser uma ativista!''Kim Cattrall entregou o prêmio Cristal da Esperança, da Swarovski, para Rosemary Mueni Mbaluka, do projeto beneficente Yier Ngima (Escolha a Vida), que tenta evitar a transmissão do HIV de mães para filhos no Quênia. Mais de 150 mil crianças estão infectadas no país africano. No mundo inteiro, cerca de 700 mil bebês são infectados por suas mães a cada ano, apesar da possibilidade de prevenção na maioria absoluta dos casos.Outra atriz dedicada à causa é Sharon Stone, que participou pela terceira vez do Life Ball. Ela é um dos nomes de Hollywood ligados à AmfAR e está mais preocupada com o aumento dos casos de infecção pelo HIV entre adolescentes e jovens no mundo inteiro. Seu discurso foi sobre a necessidade de todo mundo lutar contra a homofobia e prestar atenção no poder das palavras, como os xingamentos contra gays e lésbicas.Uma novata no Life Ball foi a supermodelo canadense Linda Evangelista, convidada para participar do evento por seu fundador, o austríaco Gery Keszler. ''É uma festa incrível, muito grandiosa, uma maneira ótima de celebrar a vida e uma causa tão importante'', disse ela. A modelo entregou o prêmio Um Tributo à Vida, dado pela empresa de cosméticos L''Oréal Paris. O ganhador foi o prefeito de Viena, Michael H?upl, que recebeu um agradecimento especial pela hospitalidade da cidade. ''Quero aplaudir Viena por seus esforços'', disse ela. ''É uma cidade que pensa para a frente, abraçou esta causa que ainda carrega muito estigma em várias partes do mundo.''A cerimônia de abertura da festa teve shows de nomes como Jodie Watley e Debbie Harry, do Blondie, mas quem chamou mesmo a atenção no palco foi a transexual americana Amanda Lepore. Ela apresentou a canção-tema do evento, The Life, em parceria com a apresentadora de TV austríaca Mel Merio e a banda de electro Chicks on Speed. A faixa foi produzida pelo DJ americano Larry Tee, que também estava presente.Todos viajaram a Viena em uma das excentricidades do Life Ball que mais chama a atenção da mídia local: o vôo ''intergaláctico'' da Austrian Airlines, que traz de Nova York celebridades em geral e uma série de ''clubbers'' e personalidades da noite, além de modelos, maquiadores, cabeleireiros e jornalistas. Depois de oito horas de festa no ar, todos são recebidos na pista do aeroporto de Viena por um tapete vermelho e cobertura da imprensa local.Depois da cerimônia de abertura, o Life Ball mudou-se para dentro do edifício da prefeitura da cidade, que é transferida temporariamente para outras instalações. O espaço é transformado em locais de shows e pistas de dança, em uma programação variada que faz com que o público fantasiado circule pelos três andares da construção histórica. Nada de valsa, no entanto. Música eletrônica, pop, rock'' n roll e até hip hop (com Buddah Monk, do Wu Tang Clan) encheram os salões góticos até o amanhecer.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.