Conexões convoca os grupos amadores

Parece que teatro e educação estão mesmo dispostos a se unir. Chega a ser difícil dimensionar o efeito positivo sobre jovens estudantes entre 12 e 19 anos que formam um grupo amador, por incentivo de um abnegado professor de História, e subitamente tem a oportunidade de entrar em contato com alguns dos melhores profissionais do teatro e ainda encenar um texto escrito especialmente por um experiente dramaturgo. Pois esse é o formato do projeto Conexões, que tem apoio do National Theatre, de Londres, e no Brasil é realizado por quatro parceiros: Cultura Inglesa, Conselho Britânico, Escola Célia Helena e Colégio São Luís.A partir de amanhã estão abertas as inscrições para o Conexões 2009, a terceira edição do projeto. Bosco Brasil, Sérgio Roveri e Gilberto Dimenstein estão entre os autores convidados desta vez. Os grupos selecionados - as inscrições devem ser feitas por escolas ou ONGs - começam a trabalha em maio e se apresentam em novembro. Todas as peças são publicadas em edições bilíngues. Mais informações no site www.conexões.org.br.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.