Claude Berri é internado em estado grave

Conhecido por ter produzido o longa-metragem Tess, que rendeu ao cineasta polonês Roman Polanski o Oscar de melhor filme, o francês Claude Berri deu entrada ontem na UTI do setor neurológico do Hospital Pitie-Salpetriere, de Paris. Berri, também ator, roteirista e diretor, assinou a direção de Jean de Florette (1986) e A Vingança de Manon (1986) e adaptou para o cinema a obra-prima de Emile Zola, Germinal, em 1993. Seu mais recente filme, Ensemble, C?Est Tout, foi lançado em 2007 e trata do encontro interclassista entre quatro pessoas solitárias. O cineasta ganhou o Oscar de melhor curta em 1966 por Le Poulet (A Galinha).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.