Katsuhisa Kida/Richard Rogers Partnership/Reuters
Katsuhisa Kida/Richard Rogers Partnership/Reuters

Centro Pompidou de Paris vai fechar para obras entre 2023 e 2027

O museu abriga grandes coleções de arte moderna e contemporânea

Redação, AFP

26 de janeiro de 2021 | 10h04

O Centro Pompidou de Paris, museu nacional de arte moderna, fechará para obras de restauração entre 2023 e 2027, anunciou nesta segunda-feira, 25, a ministra da Cultura, Roselyne Bachelot.

"Havia duas opções na mesa: uma consistia em restaurar o Centro, mantendo-o aberto, e outra fechá-lo completamente. Escolhi a segunda, visto que demorava menos e era menos cara", explicou a ministra ao jornal Le Figaro.

O Pompidou, um dos museus mais visitados de Paris, com sua famosa escadaria externa em forma de lagarta, foi inaugurado em 1977 e vai reabrir para seu 50ª aniversário. Mais de 250 milhões de pessoas visitaram suas exposições, segundo cifras de 2018. O centro emprega algo mais de mil pessoas.

As obras para eliminar o amianto e renovar o prédio vão começar em 2023. Eram indispensáveis para evirar a corrosão do edifício, localizado no centro de Paris, e que abriga grandes coleções de arte moderna e contemporânea e amplos espaços de exposição, além de uma extensa biblioteca.

O museu foi inaugurado por iniciativa do ex-presidente Georges Pompidou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.