Casa natal de Modigliani é fechada na Itália

A casa natal do pintor Amedeo Modigliani (1884-1920), na Itália, uma das poucas coisas que o ligam à sua cidade de nascimento, Livorno, na região da Toscana, foi fechada por disputas entre os proprietários, os irmãos donos de galerias Giorgio e Guido Guastalia. As informações foram divulgadas pelo jornal Il Tirreno. O primeiro andar da casa, que se tornou uma espécie de museu, exibe ampla documentação didática sobre a vida e obra de Modigliani, como fotos raras e autógrafos do pintor, do período em que viveu em Livorno, de 1884 a 1906, e de sua maturidade artística em Paris, de 1906 até 1920, ano em que morreu de tuberculose.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.