Casa Laboratório comemora 5 anos

Espaço idealizado por Cacá Carvalho tem, entre seus resultados, duas peças

Beth Néspoli, O Estadao de S.Paulo

29 de janeiro de 2009 | 00h00

Há cinco anos o ator Cacá Carvalho, em parceria com o diretor italiano Roberto Bacci e a Fundação Pontedera de Pesquisa Teatral, da Itália, abriu a Casa Laboratório para as Artes de Teatro, na Barra Funda. Como sugere o nome, um espaço de aprimoramento. Se é fácil entender a necessidade de local e recursos adequados para a pesquisa científica, essa compreensão nem sempre se estende à arte. "Quantas vezes ensaiamos em locais insalubres", diz Cacá.Assim, o objetivo era fazer do espaço um centro de formação, de intercâmbio, de trocas de experiências artísticas. Dos 700 currículos recebidos inicialmente, um núcleo se formou e dali já brotaram dois espetáculos, A Sombra de Quixote e O Homem Provisório. E ainda um vídeo-documentário dirigido por Mássimo Verdastro sobre a expedição do grupo ao sertão do Cariri (CE), um livro de sonetos do cordelista Geraldo Alencar e xilogravuras do artista plástico Nilo, entre outras ações ?visíveis?. Mas importante mesmo, para o grupo, é o treinamento desenvolvido. Para celebrar tal conquista, eles convidam o público para conhecer a Casa amanhã e compartilhar um coquetel após a exibição de cenas, embrião do próximo trabalho. B.N.ServiçoCasa Laboratório. Rua Conselheiro Brotero, 182, tel. 3661-0068. 6.ª, 20h30. Grátis. Reservas: produção@casalaboratorio.com.br

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.