Briga por futebol

Alvo da vez é Campeonato Catarinense

Keila Jimenez, O Estadao de S.Paulo

22 de janeiro de 2009 | 00h00

Globo e Record estão no centro de uma boa briga, desta vez, no Sul do País. Motivo: o Campeonato Catarinense de futebol.A Record diz ter assinado um contrato com a Federação Catarinense de futebol com exclusividade até o fim de 2009. Alegando quebra de contrato, a tal Federação acabou fechando um novo acordo para a exibição na TV do campeonato local, desta vez, com a afiliada da Globo por lá, a RBS. E lá foi, então, a Record à Justiça, exigindo que o contrato firmado anteriormente fosse cumprido.Anunciantes a postos, divulgação dos jogos em ambas emissoras, e a Justiça decidiu por meio de liminar, menos de 24 horas antes da primeira partida ir ao ar, que o direito de transmissão era da Record.A RBS, por meio de sua assessoria, informa que não participa da questão judicial, e que o processo envolve a Federação Catarinense, a Associação de Clubes de lá e a Record. Mesmo assim, a emissora aguarda a decisão da Justiça para transmitir o campeonato.A Record, por meio de sua assessoria, afirma que a Justiça garantiu os seus direitos, e que segue exibindo normalmente o Campeonato Catarinense.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.