Bienal traz uma legião de autores estrangeiros

Além de David Grann, a Bienal do Livro do Rio receberá uma grande legião de estrangeiros, entre 10 e 20 de setembro, no Riocentro. Entre eles, a americana Meg Cabot deverá causar frisson entre as adolescentes, graças à série O Diário da Princesa, publicado pela Record. Também o britânico Bernard Cornwell, famoso por seus romances históricos, vai atrair muitos admiradores. O australiano Tim Winton, autor de Fôlego (Argumento), é esperado pelos fãs de surfe enquanto conversas politizadas estarão concentradas no encontro com o israelense David Grossman, que vai lançar A Mulher Foge (Companhia das Letras).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.