Batman não será exibido na China

Batman estreou em Hong Kong, mas isso não quer dizer que O Cavaleiro das Trevas chegará à toda China. A Warner Bros. decidiu não lançar o filme no país, nem sequer submetê-lo aos organismos censores, devido às "sensibilidades culturais". A direção estaria preocupada com a ofensa que pode causar, particularmente em relação às cenas filmadas em Hong Kong, onde Batman captura um gângster. Outro possível ponto de fricção é uma pequena aparição do ator e cantor Edison Chen, de Hong Kong, que este ano se envolveu em um escândalo sexual. Cópias piratas do novo Batman, no entanto, estão disponíveis na China há meses.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.