Astros supera Ídolos

Versão genérica agradou ao público

Thaís Pinheiro, O Estadao de S.Paulo

22 de maio de 2008 | 00h00

A audiência quer mesmo ver os jurados esculachando os calouros. É isso que mostra a comparação entre dados do Ibope do Ídolos, exibido pelo SBT no ano passado, e Astros, versão escrachada do original, transmitida pela rede de Silvio Santos desde abril.Na segunda temporada do original, que foi ao ar em 2007, a média registrada foi de 6 pontos. As maiores conquistas aconteceram na estréia e na final: 6,88 e 6,84, respectivamente.Já nesta nova versão, o SBT tem abocanhado pelo menos dois dígitos no Ibope. A estréia, quando o programa ainda nem tinha nome (a emissora foi proibida na Justiça de usar o título novosidolos), surpreendeu, com picos de 15 pontos. A média tem ficado na casa dos 10 pontos.O diferencial é que Astros mantém seu ''frescor'' com as constantes eliminatórias, parte em que o público mais se diverte. Os jurados ranzinzas tecem julgamentos ácidos e fazem a alegria do telespectador. No original, a tendência era que o público ignorasse as fases mais sérias.Resta saber se o Ídolos de formato original, que estréia na Record em 19 de agosto, terá índices mais animadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.