As múltiplas atividades de uma lenda de Hollywood

Ele foi dançarino, padeiro, domador de leões, ator premiado e lenda de Hollywood. Mas Christopher Walken nunca foi personagem de uma biografia que lançasse luzes sobre sua trajetória de diferentes atividades. Ele dançou em videoclipes da Madonna, de Duran Duran, de Fat Boy Slim. Trabalhou em mais de cem filmes, e com diretores aclamados, como Quentin Tarantino, Steven Spielberg, Woody Allen, David Cronenberg e Tim Burton. As várias entradas dessa biografia em forma de verbetes abordam diferentes assuntos, como o Actors Studio, oficina de atores onde Walken trabalhou como faxineiro durante 11 anos, e Zombie Movies, o gênero cinematográfico preferido do biografado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.