Fabio Motta/Estadão
Fabio Motta/Estadão

Antes do fechamento, Casa Daros anuncia exposição de obras de artistas cubanos

Local fechará as portas em 13 de dezembro

Roberta Pennafort, O Estado de S. Paulo

08 de setembro de 2015 | 12h36

RIO - No anúncio de sua última exposição, sobre arte cubana, a Casa Daros informou que estuda quatro propostas para o novo funcionamento do imóvel, em Botafogo (zona sul), que fecha as portas em 13 de dezembro. O diretor Dominik Casanova disse que não pode dar qualquer detalhe, porque existem contratos de confidencialidade que o impedem de falar sobre elas. Ele afirmou que a prefeitura do Rio ofereceu apoio para que a Casa Daros não parasse suas atividades. No entanto, a decisão de fechá-la, da direção na Suíça, é irredutível. "Eles ofereceram apoio, mas não é por falta de dinheiro que a decisão foi tomada. Não há dinheiro que mude isso", afirmou Casanova.

Uma das propostas, não confirmada pelo diretor, seria do grupo Eleva Educação, que planeja abrir uma escola inovadora na cidade e procura um espaço para isso. Segundo Casanova, as propostas recebidas são das áreas cultural e educacional. A exposição Cuba - ficción y fantasía tem 130 obras da coleção Daros Latinamerica, de 15 artistas cubanos, e será aberta ao público no dia 12 de setembro.


Mais conteúdo sobre:
Artes visuaisExposição

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.