Amapô e as garotas de Berlim

A Amapô é a marca mais recente do SPFW. Em um ano de evento, as sócias Carô Gold, de 32 anos, e Pitty Taliane, 30, viram sua marca ganhar projeção nacional, tanto que foram chamadas para dar consultoria de imagem à grife carioca Totem, por exemplo. Carô e Pitty se conheceram há seis anos. Um ano depois, lançavam a grife juntas (Carô era figurinista de comerciais, Pitty tinha uma marca de camisetas, a LPS, vendida na Banca de Camisetas) e participaram de quatro edições do HotSpot, evento que lançava novos talentos, também organizado por Paulo Borges do SPFW. Paulo percebeu o frescor da marca, que se manifestava especialmente no colorido e nas estampas criadas por elas. Atrevidas, surpreenderam na segunda participação no SPFW, na temporada passada, ao tirarem de cena as tais estampas tão dominantes em sua história. E se confirmaram na cena fashion.No inverno 2009, as estampas voltam. E o lúdico (outra característica da marca) dá espaço à praticidade. Tudo em clima de rave: "Fomos para Berlim fazer turismo de fashionista (risos) e encontramos uma rave muito diferente das de Trancoso. Era urbana, contemporânea, com jovens urbanos. Decidimos prolongar a sensação que tivemos ali com uma coleção também jovem e urbana", conta Carô, que chamou a coleção de Amapô Experience. As estampas partem de uma arte psicodélica elaborada por Carô, com direito a imagens de deuses hindus. As camadas das peças vêm dos fractais, desenho geométrico popular no universo raver, que propõe sobreposições infinitas, oriundas de equação matemática. Sim, uma viagem, que passa ainda por piratas, rock e alfaiataria sequinha dos mods ingleses dos anos 60. "Estamos gostando de vestir peças de alfaiataria", diz Pitty, que conta agora com equipe dedicada a isso. "É gente jovem, queremos algo diferente." O cenário do desfile (o segundo do line-up do último dia do SPFW) será limpo, graças à crise: "Perdemos patrocínios e redirecionamos nossa verba. Então, a roupa passou a ser o mais importante mesmo", conclui Carô.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.