A TV que convém

Para 79%, web vale pelo horário 'livre'

Gustavo Miller, O Estadao de S.Paulo

17 de fevereiro de 2009 | 00h00

Uma pesquisa feita pela Media-Screen para o Google, divulgada pelo Estado no fim da semana passada, revelou os hábitos dos brasileiros quando o assunto é vídeos online. Foram entrevistadas 506 pessoas que têm o costume de acessar o YouTube, DailyMotion e outros portais de vídeos do gênero.O estudo mostrou que 79% dos consultados veem vídeos online por uma simples razão: "Poder assistir ao que se quer, quando quiser." Mas o que eles estão vendo? Conteúdo amador (40%) e profissional (40%). Os 20% restantes englobam anúncios de produtos, serviços ou filmes.Chega a 77% a fatia que acompanha vídeos profissionais de música, como clipes e trechos de shows, enquanto 69% do entrevistados preferem os vídeos amadores de comédia. No grupo de pesquisados, 55% assistem a vídeos na web pelo menos uma vez ao dia. É que para 71%, "sempre há algo novo e inesperado" nos portais de vídeos.A pesquisa também mostrou como ocorre o acesso a esse tipo de material: 74% dos entrevistados disseram que entram em links sugeridos por amigos. Raspando nesse número, 73% utilizam ferramentas de buscas para encontrar os filmetes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.