''''A imagem só não é tudo porque existe o dinheiro''''

O jornalista Vinícius Pinheiro estréia com romance sobre as aparências sociais

O Estadao de S.Paulo

27 de novembro de 2007 | 00h00

O universitário Alberto de Franco causa frisson por conta de um roteiro que vai mudar a história do cinema. A narrativa cinematográfica não será mais a mesma. E ele despontará como o maior roteirista de todos os tempos. O problema é que Franco ainda não escreveu esse roteiro, embora alimente a expectativa em torno da suposta criação revolucionária. Indivíduos que se projetam no meio social a partir de invencionices sobre si mesmos, esse é o tema do romance de estréia de Vinícius Pinheiros - O Roteirista, a ser lançado hoje na Livraria da Vila.''''A imagem só não é tudo porque existe o dinheiro'''', diz Pinheiro, de 30 anos. O escritor diz que o livro fala do poder da aparência no mundo atual: ''''Mas de uma maneira despretensiosa, sem enfiar o dedo na cara de ninguém, até porque não sei dizer se esse mundo onde as pessoas se fazem a partir de fábulas sobre si mesmas está certo ou errado.''''Jornalista que cobre o mercado financeiro, ''''repórter de um tempo falso'''', o santista Pinheiro demorou seis meses para finalizar o romance. ''''Acho que só consegui chegar ao final, porque deixei de me levar a sério.'''' E esse é o defeito dos escritores neófitos no Brasil. ''''O problema de grande parte dos escritores da nova geração é que eles parecem se achar melhores do que realmente são.''''Vinícius Pinheiro se considera vendido, ''''por um preço bem baixo'''', ao mesmo sistema no qual o personagem Franco está enquadrado. Balconista de uma farmácia, ''''Franco é um típico cara nascido e criado na era da televisão, possui um conhecimento fragmentado e muitas vezes inútil''''. Segundo Pinheiro, a dificuldade em escrever o roteiro não se deve apenas a um bloqueio criativo, ela é uma metáfora do acesso restrito à cultura, tanto para quem deseja consumi-la quanto para quem deseja produzi-la. E Franco vai alimentando o frenesi até conhecer Camila, quando começa a se questionar e surge uma possibilidade de redenção.ServiçoO Roteirista. De Vinícius Pinheiro. Editora Rocco. 180 págs. R$ 26. Livraria da Vila. Rua Fradique Coutinho, 915, Vila Madalena, 3814-5811. Hoje, 18h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.