A eterna juventude da rua mais musical da cidade

A galeria do rock fica na Avenida São João, o bairro do Bexiga ganhou fama pelos sambas de Adoniran Barbosa, mas é a Rua Augusta o logradouro mais musical de São Paulo. Além de ter abrigado a histórica loja de discos Hi-Fi, hoje tem outra eficiente importadora de CDs (Compact Blue), um dos maiores sebos de vinil do País (Discomania) e as últimas lojas de discos de rua. É a espinha dorsal do circuito de casas noturnas modernas na região, onde rolam bons rocks e música eletrônica. E, principalmente, apesar de nunca ter tido o apelo sedutor de uma Copacabana, a Augusta é a maior musa paulistana dos compositores, desde a década de 1960, quando era o grande point da juventude.Para muitos, ela habita a memória com um certo glamour nostálgico, de quando era passarela de velozes carros e motos ''último tipo'', gangues roqueiras e paqueras. Quem propagou essa imagem foi Hervé Cordovil com o clássico Rua Augusta, nos primórdios do rock brasileiro. Lançada por Ronnie Cord em 1963, a música foi regravada diversas vezes, por Raul Seixas, Mutantes e outros. Referências à letra se desdobram em outras canções deste século, como A Zero por Hora (Vitor Ramil), As Meninas dos Jardins (Zeca Baleiro) e Made in Brazil (Lulu Santos).Embora seu nome não esteja explícito em outras letras, era na Augusta que a Saudosa Maloca de Adoniran se situava e por onde A Banda de Chico Buarque passou cantando coisas de amor. Bem diferente desse cenário de romantismo juvenil, foi um flagrante de racismo que levou Os Mulheres Negras a compor Eu Vi, em 1988. Se nos anos 1970, o então famoso corredor das butiques já era alvo do olhar crítico de Tom Zé, na vitrine atual, sinal dos tempos, os rappers encontram as garotas de programa. Hoje ela é feia, mas continua na moda e persiste como eterna referência de juventude. Arquivo SonoroDez canções em que a Rua Augusta é protagonista ou citada:NÓS, OS GATOS (J.Chaves) - Juca Chaves, LP As Duas Faces de Juca Chaves, 1960RUA AUGUSTA (Hervé Cordovil) - Ronnie Cord, LP Rua Augusta, 1963MENININHA RUA AUGUSTA (Geraldo Cunha/Pery Ribeiro) - Pery Ribeiro, LP Pery Muito Mais Bossa, 1964NÃO BUZINE QUE EU ESTOU PAQUERANDO (Tom Zé) - Tom Zé, LP Tom Zé, 1968HEY BOY (Élcio Decário/ Arnaldo Baptista) - Mutantes, LP A Divina Comédia ou Ando Meio Desligado, 1970AUGUSTA, ANGÉLICA E CONSOLAÇÃO (Tom Zé) - Tom Zé, LP Todos os Olhos, 1973RUA AUGUSTA (B.Blanco) - Billy Blanco, LP Paulistana - Retrato de uma Cidade, 1974EU VI (M.Pereira/A.Abujamra) - Os Mulheres Negras, LP Música e Ciência, 1988AS MENINAS DOS JARDINS (Z.Baleiro) - Zeca Baleiro, CD Pet Shop Mundo Cão, 2002A ZERO POR HORA (Ramil) - Vitor Ramil e Marcos Suzano, CD Satolep Sambatown, 2007

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.