A caixa suprema da obra dos Beatles

No dia 9, após 22 anos de espera, sai finalmente pacote com todos os discos dos Fab Four remasterizados, e vídeos inéditos

Jotabê Medeiros, O Estadao de S.Paulo

29 de agosto de 2009 | 00h00

Está aberta mais uma temporada de caça a recuerdos dos Beatles. Até abril do ano que vem (quando teremos a possibilidade de ver aqui no Brasil sir Paul McCartney em pessoa), suculentos lançamentos para fãs e neófitos estarão chegando às lojas.No dia 9, haverá o lançamento mundial de uma caixa luxuosa com todos os 13 álbuns de carreira dos Beatles, remasterizados - os últimos relançamentos, segundo informa a gravadora EMI, foram em 1987, mas os CDs teriam sido apenas digitalizados, não remasterizados.Cada um dos 13 CDs da caixa terá um pequeno documentário com imagens raras do quarteto, além das vozes dos quatro e de seu produtor George Martin (deverão ser rodados em arquivo Quicktime, computadores PC ou Mac). Um DVD com todos os 13 minidocumentários também será editado, com 40 minutos de duração - a EMI brasileira convidou jornalistas para ver o documentário completo na próxima terça.Para os mais tradicionalistas, que não abrem mão do som como o ouviram originalmente, também será lançada uma caixa com 11 álbuns embalados como minirréplicas de elepês em versões originais mono. Será uma caixa tipo gaveta, em edição limitada, e terá os mixes stereo originais de 1965 dos álbuns Help! e Rubber Soul, que não tinham sido lançados anteriormente em CD.No mesmo dia 9, o consórcio Electronic Arts/MTV Harmonics lança o já badalado game RockBand: The Beatles, para as plataformas Playstation 3, Wii e XBox 360.O relançamento da coleção completa remasterizada dos Beatles decorre de um acordo entre a própria banda, a Apple Corps e a EMI Music. De Please Please Me a Abbey Road (e mais um mimo chamado Past Masters, um álbum duplo com 33 canções), o material compila tudo que oficialmente os Beatles lançaram em sua carreira. A caixa remasterizada é preta e vertical. A caixa mono é branca.Segundo informou a EMI, os engenheiros da gravadora nos estúdios Abbey Road levaram quatro anos para fazer a remasterização, trabalhando equipamentos vintage e tomando cuidado para manter a integridade das gravações analógicas originais. O lançamento inclui o material americano de Magical Mystery Tour, mas sem Yellow Submarine.Será a primeira vez que os primeiros cinco álbuns dos Beatles (Please Please Me, With The Beatles, A Hard Day?s Night, Beatles For Sale e Help!) serão ouvidos em CD estéreo. "Você realmente vai notar a diferença", garantiu ao jornal The Guardian o expert Kevin Howlett, que escreveu as notas para as reedições. "É extraordinário ficar sentado ali e ouvir elepês que você conhece tão bem e ouvir pequenas nuances que jamais tinha notado. Às vezes, soam mais alto do que nas antigas reedições."Muitas das fotos que acompanham os discos são inéditas, garante a companhia, assim como imagens que compõem os documentários. O acordo que finalmente possibilitou o relançamento do catálogo remasterizado só saiu recentemente, após 22 anos de espera - e consta que é um contrato milionário, cujos valores são mantidos em sigilo.A reedição, consideram os fãs dos Beatles, pode ser a porta de entrada do som do grupo nas vendas de música online. Os Beatles são o último dos grandes grupos de rock a dizer não à loja virtual iTunes, e a música deles não pode ser legalmente adquirida para ser ouvida em MP3 ou qualquer outra forma de download.Dhani Harrison, filho de George, propôs recentemente que seja instituída uma loja somente para o download de músicas dos Beatles, no qual seria finalmente disposto o material remasterizado dos Fab Four. É uma saída que já foi encarada com algum sucesso por outros artistas, como Prince. "Perdemos dinheiro todo dia. Então, o que temos de fazer? Temos de montar nosso próprio sistema delivery, ou então fazer um bom acordo com Steve Jobs."Com o quase monopólio do mercado de música digital na mão do iTunes, o acordo não deve demorar. Mas há divergências agudas. Dhani Harrison - que é jovem, tem 30 anos, e é ligado em tecnologia (foi ele quem acertou o lançamento do game RockBand: The Beatles) - não quer nem saber de um preço de 0,99 centavos por download. Aos 30 anos, o filho de Harrison assumiu um papel central na negociação dos negócios dos Beatles, ao lado de Paul, Yoko e Ringo.Ao acertar o lançamento do game, Dhani disse à Billboard: "Trabalhei nisso nos últimos dois anos. É o primeiro jogo a ser totalmente e historicamente acurado. Foi uma dor de cabeça, mas tem sido um dos mais agradáveis trabalhos de minha vida."Enquanto isso, os Beatles "em si mesmos" estão dando as caras. Há alguns dias, Paul McCartney e Ringo Starr se reuniram de novo em Nova York para um show beneficente da fundação Transcendental Meditation, de David Lynch. Há quem fale em uma turnê da dupla, com o filho de Ringo na bateria e Dhani na guitarra.As caixas com a obra completa dos Beatles, por serem importadas, serão vendidas diretamente nas lojas. As pré-vendas pela Amazon já estão bombando.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.