A arte que tem como valor maior o encontro

Admirado pelo pensador alemão Friedrich Nietzsche e pelo escritor russo Liev Tolstoi, o poeta e filósofo francês Jean-Marie Guyau (1854-1888) traça um vasto painel da criação artística neste A Arte do Ponto de Vista Sociológico, traduzido por Regina Schöpke e Mauro Baladi. Na primeira parte da obra, ele debate a essência da arte e discute as razões pelas quais sua dimensão social seria superior a outras. Depois, investiga as aplicações da arte nos romances sociológico e psicológico. Na conclusão, reflete sobre seu papel moral e social. Segundo Schöpke, "a arte de um ponto de vista sociológico tem como valor maior o encontro, a perspectiva que o artista tem de ser ele mesmo e também os outros".A Arte do Ponto de Vista SociológicoJean-Marie GuyauMartins Fontes, 692 págs., R$ 48

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.