As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Parem as máquinas: Ana Carolina, a cineasta, prepara novo filme

Ubiratan Brasil

25 de setembro de 2011 | 23h01

Ao sair da peça Os Altruístas, conversei rapidamente com o produtor Francisco Accioly, que me contou uma novidade extraordinária: Ana Carolina, a grande cineasta (Mar de Rosas, Das Tripas Coração, Amélia), agora conseguirá voltar a filmar, novamente com um projeto instigante. “Primeira Missa” deverá mostrar uma equipe de cinema documentando justamente a primeira manifestação católica em terras nacionais, acontecida em 26 de abril de 1500 e documentada por Pero Vaz de Caminha. Há muito planejado, o filme conseguiu finalmente levantar os recursos necessários.

Ana já foi injustamente chamada de cineasta da histeria, graças aos diálogos virulentos, fantasiosos, que, por vezes, são praticamente vomitados pelos personagens. Na verdade, trata-se de uma forma de revelar o inconformismo de uma pensadora, uma intelectual que sabe muito bem de seu ofício. Accioly, na verdade, é o ponto comum entre dois artistas tão distantes mas incrivelmente semelhantes: Ana Carolina e Nicky Silver. O mundo das artes necessita, cada vez mais, de talentos inconformados como esses.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.