Pranto sertanejo

Estadão

28 de maio de 2010 | 16h17

ispinho_500

Patativa do Assaré pertence a uma rara estirpe de poetas que extrai a mais fina poesia da dureza do cotidiano que os cerca. Concerto de Ispinho e Fulô, em cartaz só até domingo (30) no Tusp, faz um belíssimo voo panorâmico  em torno do versador cearense. Vida e obra de Patativa se misturam numa delicada montagem, que alia a melhor tradição do teatro musical brasileiro com o pensamento vanguardista de um teatro de grupo combativo. Para rimar amor com dor.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: